PPGENE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENERGIA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Telefone/Ramal: Não informado http://propg.ufabc.edu.br/ppgene
Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações Sucupira/CAPES. Preencha os campos desejados para fazer a busca.

2020
Dissertações
1
  • MARCEL TAVARES COELHO
  • Ferramenta para tomada de decisão de uso de estruturas fixas ou seguidores solares em usinas fotovoltaicas com base no método multicritério TOPSIS

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 05/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • A crescente demanda por energia elétrica alinhada com as rigorosas normas e leis de proteção ambiental tem incentivado os governos e os investidores mundiais a buscarem alternativas de fontes renováveis para produção de energia. Apesar de incentivos governamentais, através das Resoluções Normativas 482/2012 e 687/2015 que regulamenta a microgeração e minigeração distribuída e a realizações de leilões federais, o uso do sol como fonte de energia elétrica ainda representa menos de 2% da matriz de energia produzida. Assim, podemos perceber facilmente que o potencial da fonte solar no Brasil é imenso, no qual para absorver esta energia utilizam-se painéis solares fotovoltaicos em instalações, com rendimento em torno de 15% a 24% nas tecnologias de fabricação hoje empregadas. Para obter melhor rendimento e para otimizar a produção no decorrer do dia em todas as estações do ano, uma técnica empregada é o posicionamento dos painéis fotovoltaicos de forma fixa conforme o melhor ângulo da região, sempre buscando seu norte real geográfico. Outra forma de instalação é uso de seguidores solares, através de equipamentos elétrico e mecânicos, movimentando o painel solar fotovoltaico durante o dia, conforme a sua melhor radiação, desde a nascente até o poente do sol. Desta forma, o trabalho através de uma análise técnica comercial e estudo de campo, determina um modelo de resposta financeiro econômica, baseando em dados estocásticos e coleta de dados em instalações reais fotovoltaicas, em sistemas com estrutura fixa e com uso de seguidores ativos, obtendo como resposta matemática, quando instalar ou investir em estruturas fixas ou com seguidores, mostrando a efetividade e viabilidade financeira pelo seu “payback” versus seu tamanho físico, investimento e sua forma de construção, obtendo como produto do estudo sua produção em KWh na melhor relação custo-benefício.


  • Mostrar Abstract
  • A crescente demanda por energia elétrica alinhada com as rigorosas normas e leis de proteção ambiental tem incentivado os governos e os investidores mundiais a buscarem alternativas de fontes renováveis para produção de energia. Apesar de incentivos governamentais, através das Resoluções Normativas 482/2012 e 687/2015 que regulamenta a microgeração e minigeração distribuída e a realizações de leilões federais, o uso do sol como fonte de energia elétrica ainda representa menos de 2% da matriz de energia produzida. Assim, podemos perceber facilmente que o potencial da fonte solar no Brasil é imenso, no qual para absorver esta energia utilizam-se painéis solares fotovoltaicos em instalações, com rendimento em torno de 15% a 24% nas tecnologias de fabricação hoje empregadas. Para obter melhor rendimento e para otimizar a produção no decorrer do dia em todas as estações do ano, uma técnica empregada é o posicionamento dos painéis fotovoltaicos de forma fixa conforme o melhor ângulo da região, sempre buscando seu norte real geográfico. Outra forma de instalação é uso de seguidores solares, através de equipamentos elétrico e mecânicos, movimentando o painel solar fotovoltaico durante o dia, conforme a sua melhor radiação, desde a nascente até o poente do sol. Desta forma, o trabalho através de uma análise técnica comercial e estudo de campo, determina um modelo de resposta financeiro econômica, baseando em dados estocásticos e coleta de dados em instalações reais fotovoltaicas, em sistemas com estrutura fixa e com uso de seguidores ativos, obtendo como resposta matemática, quando instalar ou investir em estruturas fixas ou com seguidores, mostrando a efetividade e viabilidade financeira pelo seu “payback” versus seu tamanho físico, investimento e sua forma de construção, obtendo como produto do estudo sua produção em KWh na melhor relação custo-benefício.

2
  • MICHELE CARLIS SOTERO
  • Determinação do Potencial Bioquímico de Metano em Resíduos Sólidos Urbanos da Companhia Regional de Abstecimento Integrado de Santo André

  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 05/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • As quantidades de resíduos orgânicos produzidos pelas centrais de abastecimento, feiras livres e até pelas redes de supermercados correspondem a uma parcela bastante significativa do total de resíduos gerados. Sua recuperação energética através da digesão anaeróbia pode ser uma alternativa interessante de redução da quantidade de resíduos a serem encaminhados para os aterros sanitários, aumentando a vida útil dos mesmos. Este estudo tem como objetivo determinar o potencial bioquímico de metano (PBM) teórico e experimental e a degradabilidade anaeróbia dos resíduos sólidos urbanos (RSU) gerados na Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André (CRAISA) por meio de ensaios em reatores anaeróbios em batelada, bem como avaliar a fração da amostra recalcitrante ao processo de digestão anaeróbia. As análises foram desenvolvidas no Laboratório de Processos de Produção de Biogás da UFABC, localizado no campus de São Bernardo do Campo (Bloco Ômega - L008) e no Laboratório de Análise e Transformação Energética de Combustíveis, no campus de Santo André (Bloco L - 503), exceto a análise elementar que foi realizada no Centro Analítico de Instrumentação do Instituto de Química da Universidade de São Paulo. A parte experimental consistiu na caracterização das amostras de matéria orgânica, através da determinação da composição elementar, centesimal e análise lignocelulósica; e determinação do potencial de geração bioquímico do gás metano. Todas as análises foram realizadas em sistema de triplicata, exceto a análise elementar, que foi em duplicata. A análise elementar apresentou um teor médio de 38,97±1,01% para C; 5,88±0,08% para H; 1,65±0,07% para N e 32,02±0,58% para O. A análise centesimal apresentou um teor médio de 3,55±0,22% para lipídio; 4,92±0,25% para proteína; 42,01±2,06% para fibra bruta e 42,33±2,26% para carboidrato não estrutural. A análise lignocelulósica apresentou um percentual médio, calculado a partir da composição centesimal (teor de fibra bruta) de 27,78±1,74% para o teor de celulose; 9,52±1,08% para o teor de hemicelulose e 4,71±0,95% para o teor de lignina.  O PBM teórico médio  estimado a partir da composição elementar foi de 515,4 ± 13,4 mL CH4/ g de SV e o PBM teórico médio estimado a partir da composição centesimal foi de 233,9 ± 8,8 mL CH4/ g de SV. A determinação experimental do PBM foi realizada através de um equipamento que monitora em tempo real a geração de metano (Automatic Methane Potential Test System - AMPTS II). Esta determinação experimental foi subdividida em 2 etapas: na primeira foram analisadas três amostras da CRAISA coletadas em datas diferentes e na segunda foi analisada uma mistura composta contendo as 3 amostras utilizadas no experimento 1. Os reatores permaneceram em operação por 41 dias. Ao término do período de monitoramento foi registrada uma produção acumulada média de metano para o experimento 1 de 197,7 ± 48,8 Nml/g de SV e para o experimento 2 de 180,4 ± 9,9 Nml/g de SV. A amostra que apresentou a maior redução do substrato foi a Craisa mistura, com uma redução do teor de sólidos voláteis de 54,71%.  Os resultados obtidos demonstram que os resíduos orgânicos avaliados possuem uma elevada concentração de matéria biodegradável passíveis de tratamento pelo sistema de digestão anaeróbia, resultando em um elevado potencial de metanização, constituindo-se em uma alternativa interessante, viável e eficiente para o tratamento de resíduos orgânicos provenientes de centrais de abastecimento.


  • Mostrar Abstract
  • As quantidades de resíduos orgânicos produzidos pelas centrais de abastecimento, feiras livres e até pelas redes de supermercados correspondem a uma parcela bastante significativa do total de resíduos gerados. Sua recuperação energética através da digesão anaeróbia pode ser uma alternativa interessante de redução da quantidade de resíduos a serem encaminhados para os aterros sanitários, aumentando a vida útil dos mesmos. Este estudo tem como objetivo determinar o potencial bioquímico de metano (PBM) teórico e experimental e a degradabilidade anaeróbia dos resíduos sólidos urbanos (RSU) gerados na Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André (CRAISA) por meio de ensaios em reatores anaeróbios em batelada, bem como avaliar a fração da amostra recalcitrante ao processo de digestão anaeróbia. As análises foram desenvolvidas no Laboratório de Processos de Produção de Biogás da UFABC, localizado no campus de São Bernardo do Campo (Bloco Ômega - L008) e no Laboratório de Análise e Transformação Energética de Combustíveis, no campus de Santo André (Bloco L - 503), exceto a análise elementar que foi realizada no Centro Analítico de Instrumentação do Instituto de Química da Universidade de São Paulo. A parte experimental consistiu na caracterização das amostras de matéria orgânica, através da determinação da composição elementar, centesimal e análise lignocelulósica; e determinação do potencial de geração bioquímico do gás metano. Todas as análises foram realizadas em sistema de triplicata, exceto a análise elementar, que foi em duplicata. A análise elementar apresentou um teor médio de 38,97±1,01% para C; 5,88±0,08% para H; 1,65±0,07% para N e 32,02±0,58% para O. A análise centesimal apresentou um teor médio de 3,55±0,22% para lipídio; 4,92±0,25% para proteína; 42,01±2,06% para fibra bruta e 42,33±2,26% para carboidrato não estrutural. A análise lignocelulósica apresentou um percentual médio, calculado a partir da composição centesimal (teor de fibra bruta) de 27,78±1,74% para o teor de celulose; 9,52±1,08% para o teor de hemicelulose e 4,71±0,95% para o teor de lignina.  O PBM teórico médio  estimado a partir da composição elementar foi de 515,4 ± 13,4 mL CH4/ g de SV e o PBM teórico médio estimado a partir da composição centesimal foi de 233,9 ± 8,8 mL CH4/ g de SV. A determinação experimental do PBM foi realizada através de um equipamento que monitora em tempo real a geração de metano (Automatic Methane Potential Test System - AMPTS II). Esta determinação experimental foi subdividida em 2 etapas: na primeira foram analisadas três amostras da CRAISA coletadas em datas diferentes e na segunda foi analisada uma mistura composta contendo as 3 amostras utilizadas no experimento 1. Os reatores permaneceram em operação por 41 dias. Ao término do período de monitoramento foi registrada uma produção acumulada média de metano para o experimento 1 de 197,7 ± 48,8 Nml/g de SV e para o experimento 2 de 180,4 ± 9,9 Nml/g de SV. A amostra que apresentou a maior redução do substrato foi a Craisa mistura, com uma redução do teor de sólidos voláteis de 54,71%.  Os resultados obtidos demonstram que os resíduos orgânicos avaliados possuem uma elevada concentração de matéria biodegradável passíveis de tratamento pelo sistema de digestão anaeróbia, resultando em um elevado potencial de metanização, constituindo-se em uma alternativa interessante, viável e eficiente para o tratamento de resíduos orgânicos provenientes de centrais de abastecimento.

3
  • THADEU CARNEIRO DA SILVA
  • Proposta de planejamento de manutenção de Aerogeradores, com base nas condições ambientais locais

  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 18/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • A conversão de energia eólica é uma das muitas soluções encontradas para diminuir a dependência em relação aos combustíveis fósseis e vem se mostrando cada vez mais eficiente e presente ao longo dos anos. Diversos tipos de turbinas eólicas surgiram e a tendência é pelo surgimento de mais tecnologias envolvendo esse tipo de equipamento. Quando do desenvolvimento de projetos, primeiramente são desenvolvidos protótipos, que são utilizados para sua certificação pelos órgãos competentes. Depois, estes projetos são apresentados aos mercados-alvo, buscando aumentar a competitividade da marca. No Brasil, a fabricação dos Aerogeradores precisa atender exigências de conteúdo local e condições ambientais locais, por meio da “Tropicalização” dos projetos. Como o processo de “Tropicalização” não leva em consideração as condições ambientais locais regionalizadas (por exemplo, as diferenças entre as Regiões NE e S), a parametrização de equipamentos e sistemas tende a ser a mesma, independentemente do local de instalação dos Aerogeradores, assim como o planejamento de manutenção. Ao se considerar as características locais de instalação, como, por exemplo, as características do vento local, poder-se-á determinar o planejamento mais adequado de intervenção de equipamentos, aumentando-se assim a confiabilidade operacional, o desempenho do Aerogeradores e, por consequência, o aumento dos ganhos financeiros ao Empreendedor, além da diminuição da taxa de falhas dos equipamentos. Este trabalho aborda a análise do desempenho, falha e confiabilidade em Aerogeradores. A partir dessa análise, é proposta uma nova metodologia de planejamento de manutenção de equipamentos, baseada nas condições onde os Aerogeradores estão instalados A metodologia proposta é baseada no uso de Pareto para identificar as duas falhas mais comuns e na proposta de ajuste dos sistemas para reduzir o número de paradas e do plano de manutenção. Os resultados indicam um ganho de disponibilidade global no Complexo Eólico de mais de 5%.

    A aplicação da nova metodologia se deu no Complexo Eólico Corredor do Senandes, que tem 40 Aerogeradores, cada um com capacidade de 2,7 MW. Este parque eólico está localizado em Rio Grande – RS, na Região Sul do Brasil.


  • Mostrar Abstract
  • A conversão de energia eólica é uma das muitas soluções encontradas para diminuir a dependência em relação aos combustíveis fósseis e vem se mostrando cada vez mais eficiente e presente ao longo dos anos. Diversos tipos de turbinas eólicas surgiram e a tendência é pelo surgimento de mais tecnologias envolvendo esse tipo de equipamento. Quando do desenvolvimento de projetos, primeiramente são desenvolvidos protótipos, que são utilizados para sua certificação pelos órgãos competentes. Depois, estes projetos são apresentados aos mercados-alvo, buscando aumentar a competitividade da marca. No Brasil, a fabricação dos Aerogeradores precisa atender exigências de conteúdo local e condições ambientais locais, por meio da “Tropicalização” dos projetos. Como o processo de “Tropicalização” não leva em consideração as condições ambientais locais regionalizadas (por exemplo, as diferenças entre as Regiões NE e S), a parametrização de equipamentos e sistemas tende a ser a mesma, independentemente do local de instalação dos Aerogeradores, assim como o planejamento de manutenção. Ao se considerar as características locais de instalação, como, por exemplo, as características do vento local, poder-se-á determinar o planejamento mais adequado de intervenção de equipamentos, aumentando-se assim a confiabilidade operacional, o desempenho do Aerogeradores e, por consequência, o aumento dos ganhos financeiros ao Empreendedor, além da diminuição da taxa de falhas dos equipamentos. Este trabalho aborda a análise do desempenho, falha e confiabilidade em Aerogeradores. A partir dessa análise, é proposta uma nova metodologia de planejamento de manutenção de equipamentos, baseada nas condições onde os Aerogeradores estão instalados A metodologia proposta é baseada no uso de Pareto para identificar as duas falhas mais comuns e na proposta de ajuste dos sistemas para reduzir o número de paradas e do plano de manutenção. Os resultados indicam um ganho de disponibilidade global no Complexo Eólico de mais de 5%.

    A aplicação da nova metodologia se deu no Complexo Eólico Corredor do Senandes, que tem 40 Aerogeradores, cada um com capacidade de 2,7 MW. Este parque eólico está localizado em Rio Grande – RS, na Região Sul do Brasil.

4
  • DANIEL ORLANDO GARZÓN MEDINA
  • Um Modelo Baseado em Redes Neurais Artificiais para a Previsão do Consumo Elétrico Residencial

  • Orientador : THALES SOUSA
  • Data: 22/05/2020

  • Mostrar Resumo
  • A previsão da demanda de energia elétrica é uma ferramenta fundamental na tomada de decisões operativas e estratégicas nas empresas de energia, cuja falta de precisão pode gerar altos custos econômicos. Nesse sentido, a previsão da demanda no curto e longo prazo permite que os operadores de rede possam tomar decisões de despacho de potência, de programas de manutenção, de análises da confiabilidade e segurança da operação. Para tanto, o presente trabalho propôs o emprego das Redes Neurais Artificiais (RNAs) multimodelo para a projeção da demanda, levando em consideração que esta é a base para um adequado planejamento das redes de distribuição de energia elétrica. Os modelos apresentados para a previsão se basearam em variáveis socioeconômicas e climatológicas obtidas a partir das fontes de dados oficiais do governo colombiano tais como crescimento populacional, produto interno bruto, consumo elétrico residencial e temperatura. As RNAs foram desenvolvidas no software MATLAB®, treinadas com base nos dados históricos mencionados e os resultados finais foram comparados com os dados oficiais fornecidos pela Unidad de Planeación Minero Energética (UPME). Dessa forma, além de estimar o grau de precisão das previsões empregadas, buscou-se alcançar um elevado grau de acerto nas decisões, levando em consideração que o aumento dos usuários residenciais e a carga são tópicos importantes para as empresas fornecedoras de energia da Colômbia para a próxima década.


  • Mostrar Abstract
  • A previsão da demanda de energia elétrica é uma ferramenta fundamental na tomada de decisões operativas e estratégicas nas empresas de energia, cuja falta de precisão pode gerar altos custos econômicos. Nesse sentido, a previsão da demanda no curto e longo prazo permite que os operadores de rede possam tomar decisões de despacho de potência, de programas de manutenção, de análises da confiabilidade e segurança da operação. Para tanto, o presente trabalho propôs o emprego das Redes Neurais Artificiais (RNAs) multimodelo para a projeção da demanda, levando em consideração que esta é a base para um adequado planejamento das redes de distribuição de energia elétrica. Os modelos apresentados para a previsão se basearam em variáveis socioeconômicas e climatológicas obtidas a partir das fontes de dados oficiais do governo colombiano tais como crescimento populacional, produto interno bruto, consumo elétrico residencial e temperatura. As RNAs foram desenvolvidas no software MATLAB®, treinadas com base nos dados históricos mencionados e os resultados finais foram comparados com os dados oficiais fornecidos pela Unidad de Planeación Minero Energética (UPME). Dessa forma, além de estimar o grau de precisão das previsões empregadas, buscou-se alcançar um elevado grau de acerto nas decisões, levando em consideração que o aumento dos usuários residenciais e a carga são tópicos importantes para as empresas fornecedoras de energia da Colômbia para a próxima década.

5
  • MARJHORRE LAYLAKAR LEYVOSIYER ZINATTO MALFATTI
  • MERCADO POTENCIAL DE SERVIÇOS ANCILARES DE POTÊNCIA REATIVA PROVIDOS PELAS USINAS DE AÇÚCAR E ÁLCOOL

  • Orientador : JOEL DAVID MELO TRUJILLO
  • Data: 14/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • A participação das usinas sucroalcooleiras na matriz de energia elétrica tem crescido nos últimos anos no Brasil, motivada pelo incentivo a novas fontes renováveis. Em alguns casos, dependendo da viabilidade econômica, usinas podem instalar geradores síncronos para suprir sua demanda elétrica e injetar potência na rede elétrica. Embora, a atual remuneração no Brasil dos serviços ancilares de fornecimento de potência reativa não seja atrativa para a maioria de usinas de pequeno porte, em um cenário de remuneração adequada, a potência reativa injetada poderia aumentar a confiabilidade e a segurança do sistema elétrico. Com o objetivo de auxiliar na análise do potencial de mercado de serviços ancilares de potência reativa, neste trabalho propõe-se uma metodologia que identifique as usinas sucroalcooleiras de pequeno porte próximas das demais instalações de transmissão que podem formar parte destes serviços no caso de receber um valor adequado de remuneração pela potência reativa injetada. A metodologia proposta está composta por dois módulos. O primeiro utiliza uma regressão espacial para ponderar o valor de potência reativa disponível pelas usinas e que pode ser injetada nas demais instalações de transmissão. Já o segundo envolve um algoritmo de enxame de partículas para minimizar as despesas com a fatura de energia elétrica das usinas que optem por participar no mercado de serviços ancilares de potência reativa. A metodologia permite calcular a quantidade de reativos disponíveis e sua taxa de remuneração que o órgão regulador deveria oferecer a cada usina. Um estudo de caso foi realizado no estado de São Paulo, a fim de encontrar os valores de remuneração para as usinas do ambiente de contratação regulada que estão mais próximas das subestações de 138 kV. O resultado da metodologia é uma camada de informação geográfica que mostra a localização das usinas mais próximas de subestações de 138 kV, e uma tabela de atributos que mostre os valores de remuneração para cada usina. Esta classe de resultados pode ajudar no planejamento futuro, na definição de uma estrutura diferenciada de remuneração por barra do sistema de transmissão pela injeção de potência reativa, e na análise do mercado potencial de serviços ancilares de potência reativa providos pelas usinas de açúcar e álcool.


  • Mostrar Abstract
  • A participação das usinas sucroalcooleiras na matriz de energia elétrica tem crescido nos últimos anos no Brasil, motivada pelo incentivo a novas fontes renováveis. Em alguns casos, dependendo da viabilidade econômica, usinas podem instalar geradores síncronos para suprir sua demanda elétrica e injetar potência na rede elétrica. Embora, a atual remuneração no Brasil dos serviços ancilares de fornecimento de potência reativa não seja atrativa para a maioria de usinas de pequeno porte, em um cenário de remuneração adequada, a potência reativa injetada poderia aumentar a confiabilidade e a segurança do sistema elétrico. Com o objetivo de auxiliar na análise do potencial de mercado de serviços ancilares de potência reativa, neste trabalho propõe-se uma metodologia que identifique as usinas sucroalcooleiras de pequeno porte próximas das demais instalações de transmissão que podem formar parte destes serviços no caso de receber um valor adequado de remuneração pela potência reativa injetada. A metodologia proposta está composta por dois módulos. O primeiro utiliza uma regressão espacial para ponderar o valor de potência reativa disponível pelas usinas e que pode ser injetada nas demais instalações de transmissão. Já o segundo envolve um algoritmo de enxame de partículas para minimizar as despesas com a fatura de energia elétrica das usinas que optem por participar no mercado de serviços ancilares de potência reativa. A metodologia permite calcular a quantidade de reativos disponíveis e sua taxa de remuneração que o órgão regulador deveria oferecer a cada usina. Um estudo de caso foi realizado no estado de São Paulo, a fim de encontrar os valores de remuneração para as usinas do ambiente de contratação regulada que estão mais próximas das subestações de 138 kV. O resultado da metodologia é uma camada de informação geográfica que mostra a localização das usinas mais próximas de subestações de 138 kV, e uma tabela de atributos que mostre os valores de remuneração para cada usina. Esta classe de resultados pode ajudar no planejamento futuro, na definição de uma estrutura diferenciada de remuneração por barra do sistema de transmissão pela injeção de potência reativa, e na análise do mercado potencial de serviços ancilares de potência reativa providos pelas usinas de açúcar e álcool.

6
  • URI STIUBIENER
  • Modelo hidro solar - geração fotovoltaica sobre as superfícies alagadas das hidrelétricas no Brasil

  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 28/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • O aumento combinado da demanda de energia e a quantidade de gases de efeito estufa
    (GEE) na atmosfera forçam a geração de energia a percorrer um caminho sustentável. A
    conversão fotovoltaica (FV) é uma das tecnologias emergentes que apontam como uma
    fonte potencial de energia para os próximos anos. O objetivo deste estudo é propor um
    modelo hidro solar sustentável para substituir o atual modelo de produção de energia
    no Brasil. A revisão de usinas fotovoltaicas utuantes apontou uma participação muito
    pequena dessa tecnologia, apesar da condição geofísica do país excepcional. A grande extensão de terra ocupada por módulos fotovoltaicos para gerar quantidades signi cativas
    de energia sugere o uso de superfícies de águas abertas para a instalação de grandes usinas
    fotovoltaicas. A quantidade expressiva de áreas inundadas pelos reservatórios de Usina
    Hidreletricas (UHE) foi avaliada para identi car o potencial para a implementação de Usinas
    Fotovoltaicas Flutuantes (USFF) próximas as barragens das UHE. Como resultado
    deste estudo, foi identi cado que, usando menos de 10% de sua superfície, os reservatórios
    de UHE no Brasil podem acomodar USFF, suprindo a demanda de eletricidade com energia
    solar durante as horas de pico de irradiação, enquanto UHE equilibram redes com
    energia hidrelétrica durante horas de baixa/nenhuma irradiação, melhorando a flexibilidade
    operacional do Sistema Elétrico Brasileiro (SEB). Este modelo pode disponibilizar
    para o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) 200 TWh adicionais anualmente.
    Esta energia tem um valor atual de 25 bilhðes de Reais por ano.


  • Mostrar Abstract
  • O aumento combinado da demanda de energia e a quantidade de gases de efeito estufa
    (GEE) na atmosfera forçam a geração de energia a percorrer um caminho sustentável. A
    conversão fotovoltaica (FV) é uma das tecnologias emergentes que apontam como uma
    fonte potencial de energia para os próximos anos. O objetivo deste estudo é propor um
    modelo hidro solar sustentável para substituir o atual modelo de produção de energia
    no Brasil. A revisão de usinas fotovoltaicas utuantes apontou uma participação muito
    pequena dessa tecnologia, apesar da condição geofísica do país excepcional. A grande extensão de terra ocupada por módulos fotovoltaicos para gerar quantidades signi cativas
    de energia sugere o uso de superfícies de águas abertas para a instalação de grandes usinas
    fotovoltaicas. A quantidade expressiva de áreas inundadas pelos reservatórios de Usina
    Hidreletricas (UHE) foi avaliada para identi car o potencial para a implementação de Usinas
    Fotovoltaicas Flutuantes (USFF) próximas as barragens das UHE. Como resultado
    deste estudo, foi identi cado que, usando menos de 10% de sua superfície, os reservatórios
    de UHE no Brasil podem acomodar USFF, suprindo a demanda de eletricidade com energia
    solar durante as horas de pico de irradiação, enquanto UHE equilibram redes com
    energia hidrelétrica durante horas de baixa/nenhuma irradiação, melhorando a flexibilidade
    operacional do Sistema Elétrico Brasileiro (SEB). Este modelo pode disponibilizar
    para o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) 200 TWh adicionais anualmente.
    Esta energia tem um valor atual de 25 bilhðes de Reais por ano.

7
  • GUNTHER DAMACENO BARBOSA
  • DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE CARACTERIZAÇÃO DE TURBINAS EÓLICAS DE EIXO VERTICAL COM USO DO FREIO DE FOUCAULT

  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 01/09/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

    O desenvolvimento de turbinas eólicas verticais necessita de um aparato experimental adequado. Este trabalho de mestrado propõe a modelagem, o desenvolvimento e os testes de um sistema de caracterização de turbinas eólicas de eixo vertical com o uso de freio por correntes parasitas (Freio de Foucault), que será utilizado para controlar a rotação e dessa forma, para caracterizar o torque produzido por uma microturbina (menor que 6 mNm). Para tanto, a turbina tipo Savonius foi confeccionada em impressora 3D, com suas dimensões previamente projetadas para uma seção de testes (canal aerodinâmico) de pequena escala. O freio de Foucault estudado foi baseado no uso de   ímã permanente para produzir o campo magnético em função da distância no disco de alumínio, sendo o disco conectado ao eixo da microturbina. Um modelo para projetar o dispositivo é desenvolvido e testado. Os resultados preliminares mostram que é possível usar o dispositivo para testar pequenas turbinas eólicas. A Metodologia utilizada para obter o torque experimental do freio de Foucault, mostrou que é possível realizar experimentos na área da energia eólica com escala reduzida e baixo custo.


  • Mostrar Abstract
  •  

    O desenvolvimento de turbinas eólicas verticais necessita de um aparato experimental adequado. Este trabalho de mestrado propõe a modelagem, o desenvolvimento e os testes de um sistema de caracterização de turbinas eólicas de eixo vertical com o uso de freio por correntes parasitas (Freio de Foucault), que será utilizado para controlar a rotação e dessa forma, para caracterizar o torque produzido por uma microturbina (menor que 6 mNm). Para tanto, a turbina tipo Savonius foi confeccionada em impressora 3D, com suas dimensões previamente projetadas para uma seção de testes (canal aerodinâmico) de pequena escala. O freio de Foucault estudado foi baseado no uso de   ímã permanente para produzir o campo magnético em função da distância no disco de alumínio, sendo o disco conectado ao eixo da microturbina. Um modelo para projetar o dispositivo é desenvolvido e testado. Os resultados preliminares mostram que é possível usar o dispositivo para testar pequenas turbinas eólicas. A Metodologia utilizada para obter o torque experimental do freio de Foucault, mostrou que é possível realizar experimentos na área da energia eólica com escala reduzida e baixo custo.

8
  • ALEXANDRE DE FREITAS MONTEIRO
  • COMPENSAÇÃO DE DESEQUILÍBRIO DE TENSÃO POR GERADOR DE INDUÇÃO DUPLAMENTE ALIMENTADO EM MICRORREDES OPERANDO DE FORMA ILHADA

  • Orientador : AHDA PIONKOSKI GRILO PAVANI
  • Data: 03/09/2020

  • Mostrar Resumo
  • Microrrede de distribuição de energia elétrica é um conceito relativamente novo e tem atraído a atenção de pesquisadores, empresas e até setores do governo. A vantagem de possuir uma rede própria, que possa operar com ou sem o suporte de uma rede de distribuição mais robusta, e dar mais espaço para utilização de conceitos de smart grids; incentivar o uso de fontes energéticas renováveis distribuídas e; principalmente, buscar mais independência financeira da concessionária. No entanto, em condições de ilhamento, os geradores e sistemas de armazenamento de energia devem continuar dando suporte de tensão e frequência para a microrrede, a fim de garantir que os requisitos mínimos de qualidade de energia sejam devidamente respeitados. Neste modo de operação, a rede está susceptível a elevados valores de desequilíbrio, uma vez que opera com baixo nível de curto-circuito. Neste contexto, o controle da geração distribuída conectada via conversores pode ser utilizado para compensar parcial ou totalmente os desequilíbrios da microrrede. Este trabalho tem como objetivo propor uma metodologia de compensação de desequilíbrios em microrredes operando no modo ilhado utilizando os conversores de potência de uma turbina eólica, empregando gerador de indução duplamente alimentado. A validação da metodologia de compensação é realizada por simulações computacionais, utilizando o software Simulink do MatLab e uma microrrede bechmark.


  • Mostrar Abstract
  • Microrrede de distribuição de energia elétrica é um conceito relativamente novo e tem atraído a atenção de pesquisadores, empresas e até setores do governo. A vantagem de possuir uma rede própria, que possa operar com ou sem o suporte de uma rede de distribuição mais robusta, e dar mais espaço para utilização de conceitos de smart grids; incentivar o uso de fontes energéticas renováveis distribuídas e; principalmente, buscar mais independência financeira da concessionária. No entanto, em condições de ilhamento, os geradores e sistemas de armazenamento de energia devem continuar dando suporte de tensão e frequência para a microrrede, a fim de garantir que os requisitos mínimos de qualidade de energia sejam devidamente respeitados. Neste modo de operação, a rede está susceptível a elevados valores de desequilíbrio, uma vez que opera com baixo nível de curto-circuito. Neste contexto, o controle da geração distribuída conectada via conversores pode ser utilizado para compensar parcial ou totalmente os desequilíbrios da microrrede. Este trabalho tem como objetivo propor uma metodologia de compensação de desequilíbrios em microrredes operando no modo ilhado utilizando os conversores de potência de uma turbina eólica, empregando gerador de indução duplamente alimentado. A validação da metodologia de compensação é realizada por simulações computacionais, utilizando o software Simulink do MatLab e uma microrrede bechmark.

Teses
1
  • ANA PAULA PEREIRA DA SILVEIRA
  • EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA - Análise de Estudos de Casos na RMSP

  • Data: 14/05/2020

  • Mostrar Resumo
  • O fornecimento de água potável é um serviço essencial para qualquer município e por se tratar de sistema de alta complexidade, possui grande demanda por energia elétrica, constituindo gastos significativos às companhias de saneamento. Só a SABESP (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) é responsável pelo consumo de 0,55% da energia elétrica no Brasil. Sendo assim, há a necessidade de criação e aprimoramento de projetos de eficiência energética no setor devido ao fato da eficiência energética e o desempenho hidráulico dos sistemas de distribuição de água estarem relacionados. O presente trabalho tem como objetivo analisar os fatores que influenciam a eficiência energética na operação da distribuição de água potável por meio de casos práticos de sistemas de distribuição de água na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Correlacionar o consumo de energia elétrica com a redução de perdas e a regularidade da distribuição de água em setores de abastecimento sob regime de gestão de demanda noturna e em um setor de abastecimento com estratégia de performance. O estudo forneceu fortes evidências dos impactos significativos da variação da demanda (vazão fornecida mais perdas) nos indicadores relacionados à energia. O ajuste da operação de bombeamento de acordo com o perfil e comportamento socioeconômico da população reduz o tempo de bombeamento e, portanto, o consumo de energia. O consumo específico de energia com base no total de água injetada no sistema reduziu em média de 0,41 kWh/m³ no início dos estudos para um nível médio de 0,37 kWh/m³ no final do estudo; já o consumo específico de energia da água distribuída reduziu em média, nos setores estudados, de 0,71 kWh/m³ para 0,61 kWh/m³ no final do estudo; a demanda efetiva de água atual requer menos energia que a quantidade gasta nas estações elevatórias de água. Tanto o volume total de água injetada no sistema de distribuição de água quanto o volume de água entregue aos clientes foram usados para estimar o consumo específico de energia e destacar a oportunidade remanescente de economia de energia; as perdas de água diminuíram continuamente após a implementação das medidas apresentadas, de um volume médio anual de 106.528,75m³ para 90.063,25m³. A média do índice de perdas totais no início do estudo era de 365L/lig./dia, reduzindo para 250/lig./dia no final do estudo, o que significa uma redução de 32%; as reclamações de clientes reduziram em 31%, quando refere-se especificamente aos resultados obtidos pela implantação da estratégia de performance, tem-se que: o consumo específico de energia da água injetada no sistema, apresentou redução de 20%. Já com relação ao consumo específico de energia da água distribuída, houve redução de 37%. O índice de perdas reduziu 53% após a implantação da estratégia de performance. Com relação às reclamações de falta d’água, houve redução de 61% após a implantação. Esses resultados mostram a efetividade da gestão de demanda e da estratégia de performance na melhoria da eficiência energética.


  • Mostrar Abstract
  • O fornecimento de água potável é um serviço essencial para qualquer município e por se tratar de sistema de alta complexidade, possui grande demanda por energia elétrica, constituindo gastos significativos às companhias de saneamento. Só a SABESP (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) é responsável pelo consumo de 0,55% da energia elétrica no Brasil. Sendo assim, há a necessidade de criação e aprimoramento de projetos de eficiência energética no setor devido ao fato da eficiência energética e o desempenho hidráulico dos sistemas de distribuição de água estarem relacionados. O presente trabalho tem como objetivo analisar os fatores que influenciam a eficiência energética na operação da distribuição de água potável por meio de casos práticos de sistemas de distribuição de água na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Correlacionar o consumo de energia elétrica com a redução de perdas e a regularidade da distribuição de água em setores de abastecimento sob regime de gestão de demanda noturna e em um setor de abastecimento com estratégia de performance. O estudo forneceu fortes evidências dos impactos significativos da variação da demanda (vazão fornecida mais perdas) nos indicadores relacionados à energia. O ajuste da operação de bombeamento de acordo com o perfil e comportamento socioeconômico da população reduz o tempo de bombeamento e, portanto, o consumo de energia. O consumo específico de energia com base no total de água injetada no sistema reduziu em média de 0,41 kWh/m³ no início dos estudos para um nível médio de 0,37 kWh/m³ no final do estudo; já o consumo específico de energia da água distribuída reduziu em média, nos setores estudados, de 0,71 kWh/m³ para 0,61 kWh/m³ no final do estudo; a demanda efetiva de água atual requer menos energia que a quantidade gasta nas estações elevatórias de água. Tanto o volume total de água injetada no sistema de distribuição de água quanto o volume de água entregue aos clientes foram usados para estimar o consumo específico de energia e destacar a oportunidade remanescente de economia de energia; as perdas de água diminuíram continuamente após a implementação das medidas apresentadas, de um volume médio anual de 106.528,75m³ para 90.063,25m³. A média do índice de perdas totais no início do estudo era de 365L/lig./dia, reduzindo para 250/lig./dia no final do estudo, o que significa uma redução de 32%; as reclamações de clientes reduziram em 31%, quando refere-se especificamente aos resultados obtidos pela implantação da estratégia de performance, tem-se que: o consumo específico de energia da água injetada no sistema, apresentou redução de 20%. Já com relação ao consumo específico de energia da água distribuída, houve redução de 37%. O índice de perdas reduziu 53% após a implantação da estratégia de performance. Com relação às reclamações de falta d’água, houve redução de 61% após a implantação. Esses resultados mostram a efetividade da gestão de demanda e da estratégia de performance na melhoria da eficiência energética.

2
  • EDUARDO VICENTE VALDÉS CAMBERO
  • ANALYSIS OF A COPLANAR PATCH ANTENNA ARRAY INTEGRATED WITH PHOTOVOLTAIC CELLS FOR HYBRID ENERGY HARVESTING

  • Orientador : IVAN ROBERTO SANTANA CASELLA
  • Data: 26/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • The emergence of Smart Grid, Wireless Sensors Network, or the Internet of Things has produced a growing demand for alternative sources of power. Currently, batteries dominate the energy storage market for those technologies, but they are perishable sources characterized by the need for replacement at relatively short periods and the pollution of its waste. In order to find new power sources, many studies of harvesting mechanisms associated with thermal, solar, vibration, or electromagnetic waves have been carried out. The production of electric current using photovoltaic cells is a technique studied and developed more than two decades ago. However, it is still highly sensitive to low light conditions or night time. Under these conditions, the energy extracted from electromagnetic waves can assume the demand for power. This technique is known as radiofrequency harvesting, and it uses rectennas to capture the energy of the environment. Radiofrequency harvesting faces problems like the low values of power density available in the environment, but it does not depend on the levels of light to produce energy. The idea of hybrid systems based on the alternate use of two energy sources guarantees the power every time the load needs. The research presented here aims to develop a hybrid solar and electromagnetic harvesting structure to support very low-power devices, mainly for indoors. This work presents the design, simulation, analysis, and prototyping of two coplanar patch antenna configurations with resonant frequency at 2.45 GHz integrated with solar cells. The consequences of the integration process are evaluated for both components: antennas and solar cells. Then, the principal results and conclusions of the work are presented. It was proved that solar cells could be used as radiating elements in antennas without the need to incorporate another type of metallization. However, variations on the area of an optimized solar cell bring as a consequence a considerable decrease of its power conversion efficiency that depending on the operation conditions could turn unfeasible the use of the solar cell. Also, it is presented a methodology to characterize the interface antenna/rectifier as a function of the S parameters and its influence on the power conversion efficiency of the rectenna.


  • Mostrar Abstract
  • The emergence of Smart Grid, Wireless Sensors Network, or the Internet of Things has produced a growing demand for alternative sources of power. Currently, batteries dominate the energy storage market for those technologies, but they are perishable sources characterized by the need for replacement at relatively short periods and the pollution of its waste. In order to find new power sources, many studies of harvesting mechanisms associated with thermal, solar, vibration, or electromagnetic waves have been carried out. The production of electric current using photovoltaic cells is a technique studied and developed more than two decades ago. However, it is still highly sensitive to low light conditions or night time. Under these conditions, the energy extracted from electromagnetic waves can assume the demand for power. This technique is known as radiofrequency harvesting, and it uses rectennas to capture the energy of the environment. Radiofrequency harvesting faces problems like the low values of power density available in the environment, but it does not depend on the levels of light to produce energy. The idea of hybrid systems based on the alternate use of two energy sources guarantees the power every time the load needs. The research presented here aims to develop a hybrid solar and electromagnetic harvesting structure to support very low-power devices, mainly for indoors. This work presents the design, simulation, analysis, and prototyping of two coplanar patch antenna configurations with resonant frequency at 2.45 GHz integrated with solar cells. The consequences of the integration process are evaluated for both components: antennas and solar cells. Then, the principal results and conclusions of the work are presented. It was proved that solar cells could be used as radiating elements in antennas without the need to incorporate another type of metallization. However, variations on the area of an optimized solar cell bring as a consequence a considerable decrease of its power conversion efficiency that depending on the operation conditions could turn unfeasible the use of the solar cell. Also, it is presented a methodology to characterize the interface antenna/rectifier as a function of the S parameters and its influence on the power conversion efficiency of the rectenna.

3
  • SAMUEL CASTRO PEREIRA
  • Contribuições ao uso de Power Line Communication para a Transmissão de Sinais de Controle em Smart Grids

  • Orientador : IVAN ROBERTO SANTANA CASELLA
  • Data: 28/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta os fundamentos da tecnologia de Power Line Communication (PLC) e descreve os principais padrões atualmente disponíveis no mercado. O desempenho da camada física destes padrões foi analisado para diferentes condições de propagação do sinal por meio da rede elétrica, levando em consideração os diferentes tipos de ruído presentes, como o ruído térmico e o ruído impulsivo. A utilização dos padrões de PLC para aplicações em Smart Grids (SG) foi investigada, demonstrando que os sistemas de PLC de banda estreita (NB-PLC), como o IEEE1901.2/G3-PLC, são uma excelente alternativa por ter a capacidade de cobrir longas distâncias, contornar transformadores e apresentar um bom desempenho em condições adversas de operação.
    Para a validação do uso do padrão IEEE1901.2/G3-PLC para aplicações em SG foi, então, realizado um teste prático de transmissão de dados de controle por meio de um cabo de energia de 100 metros, na qual foram evidenciadas algumas limitações de desempenho quando o sistema foi submetido a interferências impulsivas. Este fato motivou a criação de duas propostas de sistemas não-lineares para aumentar a robustez do sistema estudado na presença de interferências externas, sem a necessidade de alterações no padrão IEEE1901.2/G3-PLC e, portanto, do hardware utilizado nos testes. O primeiro sistema é baseado no uso conjunto de um filtro morfológico no receptor, enquanto o segundo é baseado no uso de um filtro de mediana.
     
    Os sistemas propostos foram, então, testados por meio de simulações computacionais na transmissão das formas de onda de referência de potência de um sistema de controle preditivo para aerogeradores do tipo DFIG (Doubly-Fed Induction Generator). Nas análises realizadas, as formas de onda analógicas de controle foram digitalizadas e transmitidas pelo padrão G3-PLC/IEEE 1901.2 por meio de um modelo de rede elétrica de baixa tensão sujeita a interferências impulsivas.
     
    Neste contexto, os sistemas propostos, baseados em filtros não-lineares, permitem suprimir estas distorções e reconstruir a forma de onda original, mesmo com o uso de pacotes de dados corrompidos. Os resultados das simulações mostraram que os sistemas propostos são capazes de recuperar as formas de onda transmitidas no aerogerador sem a necessidade de retransmissão dos pacotes corrompidos, mesmo em condições críticas de relação sinal-ruído (SNR), ruídos impulsivos e propagação por multipercursos.
     
     
     
     

  • Mostrar Abstract
  • Este trabalho apresenta os fundamentos da tecnologia de Power Line Communication (PLC) e descreve os principais padrões atualmente disponíveis no mercado. O desempenho da camada física destes padrões foi analisado para diferentes condições de propagação do sinal por meio da rede elétrica, levando em consideração os diferentes tipos de ruído presentes, como o ruído térmico e o ruído impulsivo. A utilização dos padrões de PLC para aplicações em Smart Grids (SG) foi investigada, demonstrando que os sistemas de PLC de banda estreita (NB-PLC), como o IEEE1901.2/G3-PLC, são uma excelente alternativa por ter a capacidade de cobrir longas distâncias, contornar transformadores e apresentar um bom desempenho em condições adversas de operação.
    Para a validação do uso do padrão IEEE1901.2/G3-PLC para aplicações em SG foi, então, realizado um teste prático de transmissão de dados de controle por meio de um cabo de energia de 100 metros, na qual foram evidenciadas algumas limitações de desempenho quando o sistema foi submetido a interferências impulsivas. Este fato motivou a criação de duas propostas de sistemas não-lineares para aumentar a robustez do sistema estudado na presença de interferências externas, sem a necessidade de alterações no padrão IEEE1901.2/G3-PLC e, portanto, do hardware utilizado nos testes. O primeiro sistema é baseado no uso conjunto de um filtro morfológico no receptor, enquanto o segundo é baseado no uso de um filtro de mediana.
     
    Os sistemas propostos foram, então, testados por meio de simulações computacionais na transmissão das formas de onda de referência de potência de um sistema de controle preditivo para aerogeradores do tipo DFIG (Doubly-Fed Induction Generator). Nas análises realizadas, as formas de onda analógicas de controle foram digitalizadas e transmitidas pelo padrão G3-PLC/IEEE 1901.2 por meio de um modelo de rede elétrica de baixa tensão sujeita a interferências impulsivas.
     
    Neste contexto, os sistemas propostos, baseados em filtros não-lineares, permitem suprimir estas distorções e reconstruir a forma de onda original, mesmo com o uso de pacotes de dados corrompidos. Os resultados das simulações mostraram que os sistemas propostos são capazes de recuperar as formas de onda transmitidas no aerogerador sem a necessidade de retransmissão dos pacotes corrompidos, mesmo em condições críticas de relação sinal-ruído (SNR), ruídos impulsivos e propagação por multipercursos.
     
     
     
     
4
  • LINDENBERG ISAC DA SILVA
  • Reconfiguração em tempo real de sistemas elétricos de distribuição fundamentada em teoria dos grafos combinada com fluxo de potência ótimo adaptado.

  • Orientador : EDMARCIO ANTONIO BELATI
  • Data: 01/09/2020

  • Mostrar Resumo
  • Devido ao esgotamento irreversível das fontes energéticas não renováveis, como combustíveis fósseis e nucleares, bem como aos danos que causam ao meio ambiente, deve-se aproveitar com maior eficiência as fontes renováveis. O consumo de energia elétrica é ininterrupto e mesmo uma pequena redução nas perdas promove um montante significativo de economia. Nos sistemas elétricos de distribuição, a reconfiguração é uma técnica de otimização que visa, entre outros objetivos, à minimização de perdas de potência ativa. Com a expansão das redes elétricas inteligentes e crescente introdução de equipamentos telecomandados, é desejável realizar a reconfiguração em tempo real. Dentre as técnicas de otimização disponíveis, a reconfiguração é a mais econômica porque não demanda gastos com novos equipamentos. Porém ao tentar reconfigurar surge um fenômeno inconveniente de explosão combinatória devido às características do problema. Diversas metaheurísticas para redução do espaço de busca não têm capacidade de fornecer uma resposta em tempo real, sendo mais adequadas para planejamento. Além disso, a incerteza inerente aos métodos probabilísticos impede que se tenha garantia de obtenção da melhor solução. Neste trabalho, expõe-se um método de reconfiguração em tempo real baseado em Teoria dos Grafos. Devido à característica determinística com resultados conservativos, mas sem empregar busca exaustiva, eliminou-se a desvantagem das flutuações estatísticas aleatórias, inerentes aos métodos probabilísticos. Adicionalmente, além de minimizar perdas de potência ativa, pode-se restaurar o funcionamento no caso de ocorrência de faltas. Um pré-processamento computacional proveniente de um fluxo de potência ótimo adaptado direciona a análise da árvore geradora do grafo de topologia para a solução otimizada. O algoritmo foi testado em sistemas contendo 7, 21, 37, 74, 96, 114 e 156 chaves, obtendo a melhor solução disponível na literatura científica, com tempos computacionais da ordem de dezenas de milissegundos.


  • Mostrar Abstract
  • Devido ao esgotamento irreversível das fontes energéticas não renováveis, como combustíveis fósseis e nucleares, bem como aos danos que causam ao meio ambiente, deve-se aproveitar com maior eficiência as fontes renováveis. O consumo de energia elétrica é ininterrupto e mesmo uma pequena redução nas perdas promove um montante significativo de economia. Nos sistemas elétricos de distribuição, a reconfiguração é uma técnica de otimização que visa, entre outros objetivos, à minimização de perdas de potência ativa. Com a expansão das redes elétricas inteligentes e crescente introdução de equipamentos telecomandados, é desejável realizar a reconfiguração em tempo real. Dentre as técnicas de otimização disponíveis, a reconfiguração é a mais econômica porque não demanda gastos com novos equipamentos. Porém ao tentar reconfigurar surge um fenômeno inconveniente de explosão combinatória devido às características do problema. Diversas metaheurísticas para redução do espaço de busca não têm capacidade de fornecer uma resposta em tempo real, sendo mais adequadas para planejamento. Além disso, a incerteza inerente aos métodos probabilísticos impede que se tenha garantia de obtenção da melhor solução. Neste trabalho, expõe-se um método de reconfiguração em tempo real baseado em Teoria dos Grafos. Devido à característica determinística com resultados conservativos, mas sem empregar busca exaustiva, eliminou-se a desvantagem das flutuações estatísticas aleatórias, inerentes aos métodos probabilísticos. Adicionalmente, além de minimizar perdas de potência ativa, pode-se restaurar o funcionamento no caso de ocorrência de faltas. Um pré-processamento computacional proveniente de um fluxo de potência ótimo adaptado direciona a análise da árvore geradora do grafo de topologia para a solução otimizada. O algoritmo foi testado em sistemas contendo 7, 21, 37, 74, 96, 114 e 156 chaves, obtendo a melhor solução disponível na literatura científica, com tempos computacionais da ordem de dezenas de milissegundos.

2019
Dissertações
1
  • ANTONIA MABRYSA TORRES GADELHA
  • DENSIFICAçãO DE CASCAS DE COCO BABAçU ORIUNDAS DA REGIãO DO MACIçO DE BATURITé-CE

  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 05/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

2
  • ELAINE COELHO LOPES
  • FUZZY AHP NO SUPORTE À DECISÃO PARA IMPLANTAÇÃO DE GERADORES EÓLICOS SOB A ÓTICA DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 06/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

3
  • LIDIANE DOS SANTOS DANTAS
  • ANáLISE DE TéCNICAS DE MPPT EM SISTEMAS FOTOVOLTAICOS EMPREGANDO UM CONVERSOR DO TIPO BOOST OPERANDO EM MALHA ABERTA E FECHADA

  • Orientador : IVAN ROBERTO SANTANA CASELLA
  • Data: 07/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

4
  • GILBERTO CARLOS CERVINSKI
  • EM ALTA TENSÃO: ATORES E CONFLITOS NO CONTEXTO DA RENOVAÇÃO DAS CONCESSÕES DO SETOR ELÉTRICO BRASILEIRO ATRAVÉS DA MP 579/2012

  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 21/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

5
  • TÚLIO CEZAR DE OLIVEIRA BUNDER
  • AS NOVAS REPÚBLICAS DA REGIÃO DO MAR CÁSPIO COMO ATORES ESTRATÉGICOS NA GEOPOLÍTICA GLOBAL DA ENERGIA (2001-2016)

  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 29/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

6
  • MILAGROS CECILIA PALACIOS BERECHE
  • Análise energética e exergética de diferentes processos de disposição/aproveitamento energético da vinhaça em usinas sucroalcooleiras

  • Orientador : SILVIA AZUCENA NEBRA DE PEREZ
  • Data: 02/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

7
  • DIEGO MARCOCHI DE MELO
  • ESTIMAÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL DA APTIDÃO PARA INSTALAÇÃO DE SISTEMAS FOTOVOLTAICOS EM TELHADOS RESIDENCIAIS UTILIZANDO LÓGICA FUZZY

  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 17/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

8
  • ANDRÉ FREITAS OLIVEIRA
  • Determinação do EROI do gás natural e carvão mineral

  • Orientador : FERNANDO GASI
  • Data: 24/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

9
  • JOSÉ AUGUSTO PIRES DE ABREU
  • Liberais e Nacionalistas na polêmica sobre as regras para a exploração do petróleo brasileiro do pré-sal (2007-2016): Ideias e atores

  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 28/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

10
  • LUIZ FERNANDO DA SILVA
  • Estudos do Sistema de Vapor e Alternativas Energéticas para a Unidade de Químicos Braskem - Polo Petroquímico de Capuava

  • Orientador : ANTONIO GARRIDO GALLEGO
  • Data: 29/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

11
  • ERIKA CRISTINA DA SILVA
  • VIABILIDADE DA MEOR (RECUPERAÇÃO AVANÇADA DO PETRÓLEO POR MÉTODOS MICROBIOLÓGICOS) NO BRASIL

  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 13/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

12
  • ROBERTO CARVALHO JUNIOR
  • Análise de viabilidade financeira de sistema fotovoltaico instalado em região com alto potencial de degradação dos componentes

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 12/08/2019

  • Mostrar Resumo
  • O investimento global em energia solar fotovoltaica atingiu seu mais alto patamar em 2017, ficando próximo dos 150 bilhões de dólares americanos, com quase 100 GW de capacidade instalada adicional. O Brasil nesse mesmo ano ficou entre os dez líderes mundiais com 0,9 GW em capacidade instalada adicional. A tecnologia solar fotovoltaica é considerada de capital intensivo e sujeita a fatores de incerteza, portanto demandam avaliações financeiras com objetivo de mitigar riscos. O objetivo do presente estudo é avaliar a viabilidade financeira de sistema fotovoltaico instalado em região de alto potencial de degradação, por meio de métodos determinísticos tradicionais, tais como, Valor Presente Líquido e Taxa Interna de Retorno, combinados com o método probabilístico Monte Carlo. Os principais fatores que podem influenciar a viabilidade financeira foram identificados, classificados e quantificados. O nível de degradação pode variar em até 30% e em uma análise determinista o VPL foi 36% maior considerando a degradação menor, no entanto, o risco do projeto ser inviável diminuiu 4 pontos percentuais, de 34% para 30%.  Em uma análise mais detalhada dos fatores influenciadores chegou-se a conclusão de que a degradação é um fator que pode impactar a viabilidade financeira e aumentar o risco, no entanto o fator financeiro preço da energia fotovoltaica em leilões no Brasil e valor de investimento do sistema fotovoltaico são fatores de maior influência e ambos estão declinando nos últimos dois anos, fato que requer uma análise mais cuidadosa e detalhada para evitar riscos. 


  • Mostrar Abstract
  • O investimento global em energia solar fotovoltaica atingiu seu mais alto patamar em 2017, ficando próximo dos 150 bilhões de dólares americanos, com quase 100 GW de capacidade instalada adicional. O Brasil nesse mesmo ano ficou entre os dez líderes mundiais com 0,9 GW em capacidade instalada adicional. A tecnologia solar fotovoltaica é considerada de capital intensivo e sujeita a fatores de incerteza, portanto demandam avaliações financeiras com objetivo de mitigar riscos. O objetivo do presente estudo é avaliar a viabilidade financeira de sistema fotovoltaico instalado em região de alto potencial de degradação, por meio de métodos determinísticos tradicionais, tais como, Valor Presente Líquido e Taxa Interna de Retorno, combinados com o método probabilístico Monte Carlo. Os principais fatores que podem influenciar a viabilidade financeira foram identificados, classificados e quantificados. O nível de degradação pode variar em até 30% e em uma análise determinista o VPL foi 36% maior considerando a degradação menor, no entanto, o risco do projeto ser inviável diminuiu 4 pontos percentuais, de 34% para 30%.  Em uma análise mais detalhada dos fatores influenciadores chegou-se a conclusão de que a degradação é um fator que pode impactar a viabilidade financeira e aumentar o risco, no entanto o fator financeiro preço da energia fotovoltaica em leilões no Brasil e valor de investimento do sistema fotovoltaico são fatores de maior influência e ambos estão declinando nos últimos dois anos, fato que requer uma análise mais cuidadosa e detalhada para evitar riscos. 

13
  • LUIZA PASSARO BERTAZZOLI
  • ELETRIFICAÇÃO DA FROTA PÚBLICA DE ÔNIBUS: POTENCIAL REDUÇÃO DE NOx E MP NA CIDADE DE SÃO PAULO

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 13/08/2019

  • Mostrar Resumo
  • As principais emissões de poluentes produzidas pelos veículos a diesel urbanos são os óxidos de nitrogênio (NOX) e os materiais particulados (MP), que estão entre os principais poluentes com maiores efeitos negativos na saúde humana (OMS, 2018). De acordo com a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB 2018), na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), os veículos pesados representaram 47,2% do total das emissões de NOX e 31,9% das emissões de MP10. O inventário de emissões veiculares estima que os ônibus urbanos representem menos de 1% da frota de veículos da RMSP, mas respondem por 21% das emissões veiculares (CETESB, 2018). Como uma alternativa ao ônibus tradicional de combustível fóssil, governos locais identificam os ônibus elétricos à bateria como uma opção eficaz para reduzir as emissões no setor de transporte rodoviário (IEA, 2019). Nenhuma emissão de escapamento é liberada no local de uso, suas emissões são relacionadas à geração de eletricidade. Estudos apontam que a matriz de geração de eletricidade específica do país ou região tem um efeito importante sobre as emissões de poluentes de veículos elétricos a bateria. Dessa forma, o objetivo do presente estudo é avaliar o potencial de redução das emissões de NOX e MP com a eletrificação da frota de ônibus público de São Paulo, a partir de uma análise “Well-to-Wheel” (WTW) da eletricidade e do diesel. Os resultados do estudo mostram redução das emissões WTW em 84% para NOX e 89% para MP com a substituição da frota de ônibus público a diesel pela frota elétrica a bateria. Conclui-se, do ponto de vista ambiental, que os ônibus elétricos a bateria podem ser uma alternativa eficaz ao ônibus tradicional a diesel para redução das emissões dos poluentes NOX e MP na cidade de São Paulo. Entretanto, medidas complementares que visem a redução das emissões também devem ser adotadas para atingir melhores resultados.


  • Mostrar Abstract
  • As principais emissões de poluentes produzidas pelos veículos a diesel urbanos são os óxidos de nitrogênio (NOX) e os materiais particulados (MP), que estão entre os principais poluentes com maiores efeitos negativos na saúde humana (OMS, 2018). De acordo com a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB 2018), na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), os veículos pesados representaram 47,2% do total das emissões de NOX e 31,9% das emissões de MP10. O inventário de emissões veiculares estima que os ônibus urbanos representem menos de 1% da frota de veículos da RMSP, mas respondem por 21% das emissões veiculares (CETESB, 2018). Como uma alternativa ao ônibus tradicional de combustível fóssil, governos locais identificam os ônibus elétricos à bateria como uma opção eficaz para reduzir as emissões no setor de transporte rodoviário (IEA, 2019). Nenhuma emissão de escapamento é liberada no local de uso, suas emissões são relacionadas à geração de eletricidade. Estudos apontam que a matriz de geração de eletricidade específica do país ou região tem um efeito importante sobre as emissões de poluentes de veículos elétricos a bateria. Dessa forma, o objetivo do presente estudo é avaliar o potencial de redução das emissões de NOX e MP com a eletrificação da frota de ônibus público de São Paulo, a partir de uma análise “Well-to-Wheel” (WTW) da eletricidade e do diesel. Os resultados do estudo mostram redução das emissões WTW em 84% para NOX e 89% para MP com a substituição da frota de ônibus público a diesel pela frota elétrica a bateria. Conclui-se, do ponto de vista ambiental, que os ônibus elétricos a bateria podem ser uma alternativa eficaz ao ônibus tradicional a diesel para redução das emissões dos poluentes NOX e MP na cidade de São Paulo. Entretanto, medidas complementares que visem a redução das emissões também devem ser adotadas para atingir melhores resultados.

14
  • VICTOR FERNANDES GARCIA
  • Modelagem e Avaliação Energética do Cultivo de Microalgas e Processo de Gaseificação Hidrotérmica Supercrítica

  • Orientador : ADRIANO VIANA ENSINAS
  • Data: 23/08/2019

  • Mostrar Resumo
  • A vinhaça é um efluente gerado durante a produção do etanol, na etapa de destilação. Seu principal destino é limitado em função das características da vinha e do solo, que se recebe uma carga excessiva pode contaminar os lençóis freáticos, outra alternativa é a biodigestão. Graças a sua composição que é rica em matéria orgânica e apresenta elevado potencial nutritivo, alguns trabalhos indicam a possibilidade de utilizá-la como meio de cultura e fonte de carbono orgânico para produção de microalgas, que são microrganismos capazes de realizar a fotossíntese para obtenção de energia e converter o dióxido de carbono em biomassa, pela rota autotrófica, ou ainda oxidar o carbono orgânico que esta dissolvido no meio de crescimento para obter a energia necessária para seu crescimento. A produção da biomassa de microalgas pode ser destinada para diversas finalidades como produção de proteína para ração animal, produção de suplementos nutricionais como astaxantina, produção de lipídios para extração e subsequente conversão em biodiesel. Quando destinadas para a produção de energéticos apresenta como vantagens a não competição por terras férteis de cultivo, rápido crescimento e cultivo/colheita continua ao longo do ano, além da fixação do CO2 que foi emitido nas etapas subsequentes da produção, podendo apresentar um balanço negativo de dióxido de carbono, fixando mais desse gás do que emitindo. Por se tratar de uma biomassa cultivada em meio líquido, apresenta grande teor de umidade favorecendo a produção de biocombustíveis pela rota úmida, como gaseificação hidrotérmica supercrítica, frente a produção pela rota seca (extração de óleos da microalga seca), como a transesterificação. Assim sendo, a gaseificação hidrotérmica supercrítica de microalgas, se torna uma alternativa interessante para a destinação da vinhaça além de diminuir as emissões de dióxido de carbono na atmosfera decorrentes da produção de etanol. Entretanto ainda faltam informações relativas a produtividade que as microalgas apresentariam em um cultivo em larga escala utilizando a vinhaça como meio de nutriente, seu consumo energético, a vazão de gás gerada bem como qual seria o rendimento energético do processo. Assim sendo, este trabalho deve como objetivo avaliar qual seria a eficiência de conversão energética para o processo de gaseificação hidrotérmica supercrítica da microalga, a partir de seu cultivo em vinhaça utilizando o dióxido de carbono proveniente da etapa de fermentação, bem como identificar qual dessas duas correntes seria a limitante para o cultivo. Para isso foi desenvolvido um modelo matemático em Scilab, pelo acoplamento de diferentes modelos já publicados, capaz de representar o cultivo das microalgas utilizando a vinhaça como meio de cultura e o dióxido de carbono proveniente da fermentação além de considerar aspectos construtivos e operacionais do pond, permitindo estimar a produtividade do sistema de cultiva, massa de dióxido de carbono fixada e consumo energético no processo de produção da microalga (cultivo mais recuperação da biomassa produzida). Para o processo de gaseificação hidrotérmica supercrítica, foi realizada uma modelagem do processo em questão no simulador comercial Aspen Plus, tomando como base o modelo apresentado por Molina (2018), o qual nos permitiu estimar a eficiência energética apresentada pelo processo em questão, operando em condições para produção de gás com elevado teor de metano e elevado teor de hidrogênio. Como resultados o modelo de cultivo das microalgas conseguiu acompanhar a influência climática no cultivo demonstrando o grande impacto existente pela temperatura do ambiente e a irradiação no pond, ele ainda estimou uma produtividade média de 0,113 kg.m-3.d-1 de forma a obter uma produção de 900kg de microalga por dia e uma fixação de 173,471 t de CO2 durante o período de safra, momento do ano que ocorre a produção de vinhaça. O consumo energético pelo processo de cultivo das microalgas indicou o valor de 614.022,35 em todo período, valor equivalente a 3,14 MJ.kg-1X, obtendo um NER de 0,14 o que indica um elevado valor de viabilidade energética. Caso o cultivo em questão fosse destinado ao uso completo da vinhaça e do dióxido de carbono, a vinhaça seria o insumo limitante. No processo de gaseificação, foi obtida uma vazão final de 1,38kg.h-1 de H2 para as condições operacionais de 750ºC e 225bar com um poder calorifico de 39,71 MJ.kg-1 e uma eficiência de 41,24%, e para as condições operacionais visando a produção de gás de síntese rico em metano (450ºC e 350bar) foi obtido uma vazão de 8,48 kg.h-1 com um PCI de 49,98 MJ.kg-1, ocasionando uma eficiência energética de 47,87%. Com base nisso, podemos notar que o cultivo de microalgas em vinhaça e CO2 para gaseificação hidrotérmica supercrítica da mistura obtida, apresentou um balanço energético positivo e que é uma alternativa válida a ser considerada para se destinar a vinhaça e o dióxido de carbono gerados durante a produção do etanol.


  • Mostrar Abstract
  • A vinhaça é um efluente gerado durante a produção do etanol, na etapa de destilação. Seu principal destino é limitado em função das características da vinha e do solo, que se recebe uma carga excessiva pode contaminar os lençóis freáticos, outra alternativa é a biodigestão. Graças a sua composição que é rica em matéria orgânica e apresenta elevado potencial nutritivo, alguns trabalhos indicam a possibilidade de utilizá-la como meio de cultura e fonte de carbono orgânico para produção de microalgas, que são microrganismos capazes de realizar a fotossíntese para obtenção de energia e converter o dióxido de carbono em biomassa, pela rota autotrófica, ou ainda oxidar o carbono orgânico que esta dissolvido no meio de crescimento para obter a energia necessária para seu crescimento. A produção da biomassa de microalgas pode ser destinada para diversas finalidades como produção de proteína para ração animal, produção de suplementos nutricionais como astaxantina, produção de lipídios para extração e subsequente conversão em biodiesel. Quando destinadas para a produção de energéticos apresenta como vantagens a não competição por terras férteis de cultivo, rápido crescimento e cultivo/colheita continua ao longo do ano, além da fixação do CO2 que foi emitido nas etapas subsequentes da produção, podendo apresentar um balanço negativo de dióxido de carbono, fixando mais desse gás do que emitindo. Por se tratar de uma biomassa cultivada em meio líquido, apresenta grande teor de umidade favorecendo a produção de biocombustíveis pela rota úmida, como gaseificação hidrotérmica supercrítica, frente a produção pela rota seca (extração de óleos da microalga seca), como a transesterificação. Assim sendo, a gaseificação hidrotérmica supercrítica de microalgas, se torna uma alternativa interessante para a destinação da vinhaça além de diminuir as emissões de dióxido de carbono na atmosfera decorrentes da produção de etanol. Entretanto ainda faltam informações relativas a produtividade que as microalgas apresentariam em um cultivo em larga escala utilizando a vinhaça como meio de nutriente, seu consumo energético, a vazão de gás gerada bem como qual seria o rendimento energético do processo. Assim sendo, este trabalho deve como objetivo avaliar qual seria a eficiência de conversão energética para o processo de gaseificação hidrotérmica supercrítica da microalga, a partir de seu cultivo em vinhaça utilizando o dióxido de carbono proveniente da etapa de fermentação, bem como identificar qual dessas duas correntes seria a limitante para o cultivo. Para isso foi desenvolvido um modelo matemático em Scilab, pelo acoplamento de diferentes modelos já publicados, capaz de representar o cultivo das microalgas utilizando a vinhaça como meio de cultura e o dióxido de carbono proveniente da fermentação além de considerar aspectos construtivos e operacionais do pond, permitindo estimar a produtividade do sistema de cultiva, massa de dióxido de carbono fixada e consumo energético no processo de produção da microalga (cultivo mais recuperação da biomassa produzida). Para o processo de gaseificação hidrotérmica supercrítica, foi realizada uma modelagem do processo em questão no simulador comercial Aspen Plus, tomando como base o modelo apresentado por Molina (2018), o qual nos permitiu estimar a eficiência energética apresentada pelo processo em questão, operando em condições para produção de gás com elevado teor de metano e elevado teor de hidrogênio. Como resultados o modelo de cultivo das microalgas conseguiu acompanhar a influência climática no cultivo demonstrando o grande impacto existente pela temperatura do ambiente e a irradiação no pond, ele ainda estimou uma produtividade média de 0,113 kg.m-3.d-1 de forma a obter uma produção de 900kg de microalga por dia e uma fixação de 173,471 t de CO2 durante o período de safra, momento do ano que ocorre a produção de vinhaça. O consumo energético pelo processo de cultivo das microalgas indicou o valor de 614.022,35 em todo período, valor equivalente a 3,14 MJ.kg-1X, obtendo um NER de 0,14 o que indica um elevado valor de viabilidade energética. Caso o cultivo em questão fosse destinado ao uso completo da vinhaça e do dióxido de carbono, a vinhaça seria o insumo limitante. No processo de gaseificação, foi obtida uma vazão final de 1,38kg.h-1 de H2 para as condições operacionais de 750ºC e 225bar com um poder calorifico de 39,71 MJ.kg-1 e uma eficiência de 41,24%, e para as condições operacionais visando a produção de gás de síntese rico em metano (450ºC e 350bar) foi obtido uma vazão de 8,48 kg.h-1 com um PCI de 49,98 MJ.kg-1, ocasionando uma eficiência energética de 47,87%. Com base nisso, podemos notar que o cultivo de microalgas em vinhaça e CO2 para gaseificação hidrotérmica supercrítica da mistura obtida, apresentou um balanço energético positivo e que é uma alternativa válida a ser considerada para se destinar a vinhaça e o dióxido de carbono gerados durante a produção do etanol.

15
  • DAVID BERTO FARIAS
  • OTIMIZAÇÃO POR ENXAME DE PARTÍCULAS MODIFICADO PARA RECONFIGURAÇÃO DE REDE DE DISTRIBUIÇÃO COM GERAÇÃO FOTOVOLTAICA E AJUSTE DE FATOR DE POTÊNCIA

  • Orientador : EDMARCIO ANTONIO BELATI
  • Data: 11/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Com posição geográfica privilegiada, o Brasil possui grande potencial em geração de energia solar fotovoltaica, por receber grande quantidade de radiação diariamente. A união de altos níveis de radiação solar com a queda de preços dos módulos fotovoltaicos cria uma grande oportunidade de crescimento da geração distribuída (GD) com micro e minigeração, capazes de injetar a potência elétrica na rede distribuição. A quantidade de potência que pode ser injetada como GD é limitada, pois seu excesso pode provocar diversos efeitos negativos na rede de distribuição, como alterações nos níveis de tensão e até aumento de perdas ativa no sistema. Para se contornar o problema de perdas de potência ativa na rede elétrica, as concessionárias podem utilizar bancos de capacitores, compensadores de potência reativa, recabeamento, etc. Pelo fato dessas estratégias envolverem custo elevado, a reconfiguração da rede de distribuição (RRD) se torna uma solução viável, pois consiste em alterar a topologia da rede elétrica de maneira a diminuir o fluxo de corrente nas linhas do sistema, diminuindo o efeito joule nos cabos e mantendo os parâmetros dentro dos limites especificados. Neste trabalho é proposto um algoritmo de reconfiguração de rede de distribuição utilizando o método de otimização por enxame de partículas (PSO) juntamente com método de Newton para fluxo de carga (FC) aplicado aos sistemas de 16, 33 e 70 barras. Em seguida foram adicionadas modificações no termo peso de inércia e na equação da velocidade do método PSO que proporcionaram melhoras significativas no algoritmo, diminuindo o tempo de convergência e aumentando sua assertividade, em comparação com outras propostas na literatura. Além das modificações, foi analisado a injeção de potência reativa no sistema por inversores fotovoltaicos em com ajuste de fator de potência (FP), concluindo que tanto a mudança no FP como a conexão dos geradores em barras específicas proporcionam diminuição significativa das perdas ativas.


  • Mostrar Abstract
  • Com posição geográfica privilegiada, o Brasil possui grande potencial em geração de energia solar fotovoltaica, por receber grande quantidade de radiação diariamente. A união de altos níveis de radiação solar com a queda de preços dos módulos fotovoltaicos cria uma grande oportunidade de crescimento da geração distribuída (GD) com micro e minigeração, capazes de injetar a potência elétrica na rede distribuição. A quantidade de potência que pode ser injetada como GD é limitada, pois seu excesso pode provocar diversos efeitos negativos na rede de distribuição, como alterações nos níveis de tensão e até aumento de perdas ativa no sistema. Para se contornar o problema de perdas de potência ativa na rede elétrica, as concessionárias podem utilizar bancos de capacitores, compensadores de potência reativa, recabeamento, etc. Pelo fato dessas estratégias envolverem custo elevado, a reconfiguração da rede de distribuição (RRD) se torna uma solução viável, pois consiste em alterar a topologia da rede elétrica de maneira a diminuir o fluxo de corrente nas linhas do sistema, diminuindo o efeito joule nos cabos e mantendo os parâmetros dentro dos limites especificados. Neste trabalho é proposto um algoritmo de reconfiguração de rede de distribuição utilizando o método de otimização por enxame de partículas (PSO) juntamente com método de Newton para fluxo de carga (FC) aplicado aos sistemas de 16, 33 e 70 barras. Em seguida foram adicionadas modificações no termo peso de inércia e na equação da velocidade do método PSO que proporcionaram melhoras significativas no algoritmo, diminuindo o tempo de convergência e aumentando sua assertividade, em comparação com outras propostas na literatura. Além das modificações, foi analisado a injeção de potência reativa no sistema por inversores fotovoltaicos em com ajuste de fator de potência (FP), concluindo que tanto a mudança no FP como a conexão dos geradores em barras específicas proporcionam diminuição significativa das perdas ativas.

16
  • RENATA DE ALMEIDA
  • EFEITO DA ACLIMAÇÃO DE INÓCULOS NO POTENCIAL BIOQUÍMICO DE METANO DA FRAÇÃO ORGÂNICA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DE SANTO ANDRÉ

  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 19/11/2019

  • Mostrar Resumo
  • A cada ano a geração de resíduos sólidos urbanos tem aumentado. Uma alternativa viável de tratamento visando a recuperação energética para estes resíduos é a digestão anaeróbia de sua fração orgânica. Uma das condições que favorecem esse processo é a adaptação ao substrato dos microrganismos contidos em inóculos. O objetivo deste trabalho foi submeter diferentes inóculos à aclimatação, alimentando-os com uma composição de fração orgânica de resíduos sólidos urbanos do município de Santo André para posterior análise de produção de metano através de ensaios de potencial bioquímico de metano. Os inóculos também foram avaliados de acordo com sua capacidade máxima de produção de metano, por meio de ensaio de atividade metanogênica específica. Da caracterização inicial do substrato, chegou-se a relação C/N média igual a 19,39%; teor de carboidratos de 49,82%, de lipídeos igual a 21,37% e de 14,35% de proteínas. A atividade metanogênica específica para o inóculo Dacar foi de 0,118 gDOQCH4.gSTV-1.dia-1 e do GOP de 0,147 gDOQCH4.gSTV-1.dia-1. Já o potencial bioquímico de metano elementar teórico médio do substrato foi de 472,54 mlCH4/gSV. O potencial bioquímico de metano teórico médio baseado na composição centesimal do substrato foi de 347,79 mlCH4/gSV. Ao final dos ensaios de digestão anaeróbia observou-se um aumento de 5,8% na produção de metano para o inóculo Dacar (226,22 mlCH4/gSV) e de 5,08% para o inóculo GOP (213,59 mlCH4/gSV) em relação ao PBM para os mesmos inóculos sem aclimatação. Também notou-se uma redução de 5 dias no período de estabilização da produção de gás. O pH medido ao início e final dos ensaios não sofreu nenhuma alteração brusca que interferiu de forma prejudicial no processo, sendo suas médias: entre 7,20 e 8,08 (pH inicial) e o entre 7,18 e 8,10 (pH final). A alcalinidade no geral cumpriu seu papel de tamponamento do sistema. Através da observação em microscopia de fluorescência foi confirmada a presença microrganismos dos gêneros Methanosarcina e Methanosaeta, ambos metanogênicos acetoclásticos. Também foram observados representantes do gênero Methanobrevibacter, arqueias metanogênicas hidrogenotróficas.


  • Mostrar Abstract
  • A cada ano a geração de resíduos sólidos urbanos tem aumentado. Uma alternativa viável de tratamento visando a recuperação energética para estes resíduos é a digestão anaeróbia de sua fração orgânica. Uma das condições que favorecem esse processo é a adaptação ao substrato dos microrganismos contidos em inóculos. O objetivo deste trabalho foi submeter diferentes inóculos à aclimatação, alimentando-os com uma composição de fração orgânica de resíduos sólidos urbanos do município de Santo André para posterior análise de produção de metano através de ensaios de potencial bioquímico de metano. Os inóculos também foram avaliados de acordo com sua capacidade máxima de produção de metano, por meio de ensaio de atividade metanogênica específica. Da caracterização inicial do substrato, chegou-se a relação C/N média igual a 19,39%; teor de carboidratos de 49,82%, de lipídeos igual a 21,37% e de 14,35% de proteínas. A atividade metanogênica específica para o inóculo Dacar foi de 0,118 gDOQCH4.gSTV-1.dia-1 e do GOP de 0,147 gDOQCH4.gSTV-1.dia-1. Já o potencial bioquímico de metano elementar teórico médio do substrato foi de 472,54 mlCH4/gSV. O potencial bioquímico de metano teórico médio baseado na composição centesimal do substrato foi de 347,79 mlCH4/gSV. Ao final dos ensaios de digestão anaeróbia observou-se um aumento de 5,8% na produção de metano para o inóculo Dacar (226,22 mlCH4/gSV) e de 5,08% para o inóculo GOP (213,59 mlCH4/gSV) em relação ao PBM para os mesmos inóculos sem aclimatação. Também notou-se uma redução de 5 dias no período de estabilização da produção de gás. O pH medido ao início e final dos ensaios não sofreu nenhuma alteração brusca que interferiu de forma prejudicial no processo, sendo suas médias: entre 7,20 e 8,08 (pH inicial) e o entre 7,18 e 8,10 (pH final). A alcalinidade no geral cumpriu seu papel de tamponamento do sistema. Através da observação em microscopia de fluorescência foi confirmada a presença microrganismos dos gêneros Methanosarcina e Methanosaeta, ambos metanogênicos acetoclásticos. Também foram observados representantes do gênero Methanobrevibacter, arqueias metanogênicas hidrogenotróficas.

17
  • JÚLIO CÉSAR MARQUES
  • FLUXO ENERGÉTICO NA PRODUÇÃO DO ETANOL DE CANA-DE-AÇÚCAR DA REGIÃO CENTRO-SUL DO BRASIL

  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 10/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Nos últimos anos ocorreu um crescimento significativo na produção de etanol, com destaque para os Estados Unidos da América (EUA), Brasil e países membros da União Europeia (UE), o que torna este biocombustível cada vez mais importante para a matriz energética mundial, competindo diretamente com combustíveis fósseis, principalmente gasolina e diesel. Entretanto a produção do etanol demanda uma certa quantidade de insumos oriundos de combustíveis fósseis, deste modo os supostos benefícios da segurança energética e da mitigação de carbono dependem do quanto esses insumos são capazes de gerar um rendimento substancial. O problema abordado neste trabalho refere-se em determinar a energia útil e o balanço energético no fluxo de produção do etanol de primeira geração de cana-de-açúcar, com base na matéria prima deste energético e por meio da contabilização do fluxo energético, em termos de entrada e saída de energia de cada limite de controle, obtendo de forma direta a energia necessária para a obtenção do etanol. O objetivo geral é o de determinar o fluxo energético da produção do etanol, por intermédio da diferença entre a energia disponível em uma tonelada de cana-de-açúcar e a energia consumida no fluxo de produção do etanol, desde a etapa agrícola até a etapa de transporte deste produto aos pontos de consumo. Este trabalho se justifica por abordar a análise energética do fluxo de produção do etanol em função da energia contida em determinada quantidade de massa de cana-de-açúcar, disponível para ser processada e do consumo energético necessário para se realizar este processamento, desde a etapa agrícola até a etapa de distribuição do etanol para consumo, obtendo deste modo à energia útil e balanço energético do etanol. Os resultados obtidos para o consumo energético do fluxo de produção do etanol de cana-de-açúcar se apresentam entre 1430,39 MJ por tonelada de cana/tc e 1321,21 MJ por tonelada de cana, os valores obtidos de energia útil para a produção do etanol hidratado, estão entre 7000,06 MJ por tonelada de cana a 5277,35 MJ por tonelada de cana e para o balanço energético, os valores estão entre 6,11 a 4,77. O trabalho realizado mostra que o fluxo de produção do etanol de cana-de-açúcar apresenta valores satisfatórios para energia útil e para o balanço energético, ou seja, para cada unidade de energia utilizada para o processamento do etanol são disponibilizadas entre 6,11 a 4,77 unidades de energia para uso final.


  • Mostrar Abstract
  • Nos últimos anos ocorreu um crescimento significativo na produção de etanol, com destaque para os Estados Unidos da América (EUA), Brasil e países membros da União Europeia (UE), o que torna este biocombustível cada vez mais importante para a matriz energética mundial, competindo diretamente com combustíveis fósseis, principalmente gasolina e diesel. Entretanto a produção do etanol demanda uma certa quantidade de insumos oriundos de combustíveis fósseis, deste modo os supostos benefícios da segurança energética e da mitigação de carbono dependem do quanto esses insumos são capazes de gerar um rendimento substancial. O problema abordado neste trabalho refere-se em determinar a energia útil e o balanço energético no fluxo de produção do etanol de primeira geração de cana-de-açúcar, com base na matéria prima deste energético e por meio da contabilização do fluxo energético, em termos de entrada e saída de energia de cada limite de controle, obtendo de forma direta a energia necessária para a obtenção do etanol. O objetivo geral é o de determinar o fluxo energético da produção do etanol, por intermédio da diferença entre a energia disponível em uma tonelada de cana-de-açúcar e a energia consumida no fluxo de produção do etanol, desde a etapa agrícola até a etapa de transporte deste produto aos pontos de consumo. Este trabalho se justifica por abordar a análise energética do fluxo de produção do etanol em função da energia contida em determinada quantidade de massa de cana-de-açúcar, disponível para ser processada e do consumo energético necessário para se realizar este processamento, desde a etapa agrícola até a etapa de distribuição do etanol para consumo, obtendo deste modo à energia útil e balanço energético do etanol. Os resultados obtidos para o consumo energético do fluxo de produção do etanol de cana-de-açúcar se apresentam entre 1430,39 MJ por tonelada de cana/tc e 1321,21 MJ por tonelada de cana, os valores obtidos de energia útil para a produção do etanol hidratado, estão entre 7000,06 MJ por tonelada de cana a 5277,35 MJ por tonelada de cana e para o balanço energético, os valores estão entre 6,11 a 4,77. O trabalho realizado mostra que o fluxo de produção do etanol de cana-de-açúcar apresenta valores satisfatórios para energia útil e para o balanço energético, ou seja, para cada unidade de energia utilizada para o processamento do etanol são disponibilizadas entre 6,11 a 4,77 unidades de energia para uso final.

18
  • KAREN HIDALGO DAIA
  • Estudo do potencial teórico de geração de biogás no aterro sanitário de Piracicaba

     

  • Orientador : GRAZIELLA COLATO ANTONIO
  • Data: 12/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • No Brasil, os resíduos sólidos urbanos ainda são motivo de muita preocupação, uma vez que, de acordo com a ABRELPE, apenas 59,1% dos resíduos coletados possuem destinação ambientalmente adequada. O aproveitamento energético de RSU através do biogás gerado pela digestão anaeróbia em aterro sanitário é uma forma de geração de energia que deve ser considerada, principalmente para aumentar a diversidade da matriz energética brasileira. Tendo em vista a grande preocupação com os resíduos sólidos urbanos (RSU) e as suas possíveis destinações, este trabalho tem como objetivo realizar um estudo para o aproveitamento energético de RSU em um aterro sanitário localizado no município de Piracicaba, interior do estado de São Paulo. Foi realizada uma análise decisória multicritério na avaliação da sustentabilidade, visando identificar os impactos em indicadores da dimensão ambiental (emissão de CO2 equivalente e área mobilizada), dimensão social (mortalidade devido à poluição) e dimensão técnico-econômica (confiabilidade da geração de energia e eficiência energética) Para o cálculo da estimativa do potencial energético do biogás gerado neste aterro, serão utilizados dados da literatura e do software LanGEM, que apresentará a geração de metano e dióxido de carbono do aterro em questão. Por fim, serão analisados os possíveis fatores que limitam a expansão da geração de energia em aterros sanitários através dos RSU no Brasil.


  • Mostrar Abstract
  • No Brasil, os resíduos sólidos urbanos ainda são motivo de muita preocupação, uma vez que, de acordo com a ABRELPE, apenas 59,1% dos resíduos coletados possuem destinação ambientalmente adequada. O aproveitamento energético de RSU através do biogás gerado pela digestão anaeróbia em aterro sanitário é uma forma de geração de energia que deve ser considerada, principalmente para aumentar a diversidade da matriz energética brasileira. Tendo em vista a grande preocupação com os resíduos sólidos urbanos (RSU) e as suas possíveis destinações, este trabalho tem como objetivo realizar um estudo para o aproveitamento energético de RSU em um aterro sanitário localizado no município de Piracicaba, interior do estado de São Paulo. Foi realizada uma análise decisória multicritério na avaliação da sustentabilidade, visando identificar os impactos em indicadores da dimensão ambiental (emissão de CO2 equivalente e área mobilizada), dimensão social (mortalidade devido à poluição) e dimensão técnico-econômica (confiabilidade da geração de energia e eficiência energética) Para o cálculo da estimativa do potencial energético do biogás gerado neste aterro, serão utilizados dados da literatura e do software LanGEM, que apresentará a geração de metano e dióxido de carbono do aterro em questão. Por fim, serão analisados os possíveis fatores que limitam a expansão da geração de energia em aterros sanitários através dos RSU no Brasil.

19
  • ANA CAROLINA ANTUNES ACOSTA FERNANDES
  • Study of a burner core of the S-PRISM fast reactor

  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 13/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • The concerns regarding nuclear waste management arise daily. Some countries, like Brazil, do not have a long-term nuclear waste management storage facility, and yet they keep working in an open fuel cycle. An effective option to reduce radiotoxicity levels related to spent nuclear fuel is to promote actinide transmutation through fission in fast nuclear reactors, for they feature many characteristics favorable to do so, especially in comparison to PWRs. The Gen-IV International Forum recognized this ability, and most of the designs selected were fast reactors, being the sodium-cooled fast reactor one of them. This work aimed at the study and analysis of a fast reactor metal core design, to propose a new core configuration capable to improve the transmutation of actinides and fission products. The S-PRISM model was chosen and the two types of fuel pins were modeled on MCNP6: driver and blanket pin cells. For the driver pin, k-infinity values decreased almost linearly with pitch increase, a different behavior than expected for an LWR. Isothermal coefficients of temperature were low but negative. The k-infinity behavior when active fuel height was varied showed that neutron leakage in the axial direction is a very important design parameter. When burnup was simulated for the driver and blanket fuel pins, a curious curve was observed: k-infinity increased for the blanket fuel pin with time. Conversion ratios were also observed during burnup and presented low values since the core configuration is designed for actinide transmutation. The next step will be the analysis of several aspects of the core: neutron flux spectra, power densities, shutdown safety and aspects of burnup behavior.

  • Mostrar Abstract
  • The concerns regarding nuclear waste management arise daily. Some countries, like Brazil, do not have a long-term nuclear waste management storage facility, and yet they keep working in an open fuel cycle. An effective option to reduce radiotoxicity levels related to spent nuclear fuel is to promote actinide transmutation through fission in fast nuclear reactors, for they feature many characteristics favorable to do so, especially in comparison to PWRs. The Gen-IV International Forum recognized this ability, and most of the designs selected were fast reactors, being the sodium-cooled fast reactor one of them. This work aimed at the study and analysis of a fast reactor metal core design, to propose a new core configuration capable to improve the transmutation of actinides and fission products. The S-PRISM model was chosen and the two types of fuel pins were modeled on MCNP6: driver and blanket pin cells. For the driver pin, k-infinity values decreased almost linearly with pitch increase, a different behavior than expected for an LWR. Isothermal coefficients of temperature were low but negative. The k-infinity behavior when active fuel height was varied showed that neutron leakage in the axial direction is a very important design parameter. When burnup was simulated for the driver and blanket fuel pins, a curious curve was observed: k-infinity increased for the blanket fuel pin with time. Conversion ratios were also observed during burnup and presented low values since the core configuration is designed for actinide transmutation. The next step will be the analysis of several aspects of the core: neutron flux spectra, power densities, shutdown safety and aspects of burnup behavior.
20
  • ROGÉRIO LUIS AGUILERA
  • VIABILIDADE DA IMPLANTAÇÃO DE SHALE GAS NA ARGENTINA COM BASE NA EXPERIÊNCIA NORTE-AMERICANA

  • Orientador : REYNALDO PALACIOS BERECHE
  • Data: 16/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • A descoberta de enormes reservas de gás não convencional, ou conhecido também como shale gas, vem gerando grande expectativa no mercado mundial de energia. Os EUA têm a maior reserva mundial de shale gas, e são os pioneiros na sua exploração e produção. O objetivo desta pesquisa é investigar quanto ao potencial de exploração e produção de shale gas (ou gás de folhelo) sob o ponto de vista do processo tecnológico, meio ambiente, infraestrutura e aspectos regulatórios, na Argentina na região de Vaca Muerta. Estas variáveis serão consideradas à luz da experiência norte-americana. Atualmente, o mundo está dividido nesta questão, pois existem uma série de incertezas relacionadas ao processo de extração denominado de “fracking” em determinadas estruturas geológicas e principalmente no tocante ao meio ambiente onde vários órgãos ambientais atestam a contaminação de lençóis freáticos e terremotos oriundos da injeção de aditivos químicos, areia e água nos poços para a retirada do gás de xisto. A hipótese adotada para esta dissertação será a de que a Argentina, ainda que possua a segunda maior reserva de gás de folhelho do mundo, não conseguirá no curto e médio prazo (10 anos), desenvolver estes recursos de forma satisfatória e transformá-los em reservas / produção à luz de como se deu na experiência nos Estados Unidos. Quanto à forma de abordagem, a pesquisa é uma combinação entre qualitativa e quantitativa, sendo também exploratória e descritiva tendo como foco a principal região de Shale Gas da Argentina – Neuquén. Desta forma, o trabalho pode favorecer a ampliação do conhecimento desta fonte energética tanto no Brasil como na Argentina o qual contribuirá também para o debate sobre as variáveis de sucesso preponderantes para a produção sustentável desta importante fonte energética. 


  • Mostrar Abstract
  • A descoberta de enormes reservas de gás não convencional, ou conhecido também como shale gas, vem gerando grande expectativa no mercado mundial de energia. Os EUA têm a maior reserva mundial de shale gas, e são os pioneiros na sua exploração e produção. O objetivo desta pesquisa é investigar quanto ao potencial de exploração e produção de shale gas (ou gás de folhelo) sob o ponto de vista do processo tecnológico, meio ambiente, infraestrutura e aspectos regulatórios, na Argentina na região de Vaca Muerta. Estas variáveis serão consideradas à luz da experiência norte-americana. Atualmente, o mundo está dividido nesta questão, pois existem uma série de incertezas relacionadas ao processo de extração denominado de “fracking” em determinadas estruturas geológicas e principalmente no tocante ao meio ambiente onde vários órgãos ambientais atestam a contaminação de lençóis freáticos e terremotos oriundos da injeção de aditivos químicos, areia e água nos poços para a retirada do gás de xisto. A hipótese adotada para esta dissertação será a de que a Argentina, ainda que possua a segunda maior reserva de gás de folhelho do mundo, não conseguirá no curto e médio prazo (10 anos), desenvolver estes recursos de forma satisfatória e transformá-los em reservas / produção à luz de como se deu na experiência nos Estados Unidos. Quanto à forma de abordagem, a pesquisa é uma combinação entre qualitativa e quantitativa, sendo também exploratória e descritiva tendo como foco a principal região de Shale Gas da Argentina – Neuquén. Desta forma, o trabalho pode favorecer a ampliação do conhecimento desta fonte energética tanto no Brasil como na Argentina o qual contribuirá também para o debate sobre as variáveis de sucesso preponderantes para a produção sustentável desta importante fonte energética. 

21
  • JOACI LIMA OLIVEIRA
  • Estudo do critério de ampacidade para o carregamento das linhas de transmissão próximas a parque eólico utilizando sistema de georreferenciamento

  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 17/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • A geração de eólica aumentou significativamente no Brasil. Entretanto, a infraestrutura do sistema de distribuição e demais instalações necessárias para levar a energia elétrica das áreas onde ela é gerada para os locais de consumo não acompanhou o mesmo ritmo de crescimento. Consequentemente, o sistema de transmissão tornou-se um gargalo para a expansão do setor elétrico, e a construção de novas linhas envolve altos investimentos. Além disso, os limites térmicos da linha de transmissão que estabelecem a corrente máxima permitida, dada a temperatura do condutor, conceito também conhecido como ampacidade, são fatores determinantes na tomada decisão para implementação de reforço na rede ou de novos empreendimentos. Este limite operacional é determinado de acordo com normas técnicas, que consideram valores predeterminados para parâmetros ambientais, como velocidade do vento, radiação solar e temperatura ambiente, para determinar a ampacidade estática do condutor. Uma alternativa para promover o melhor uso da rede existente é usar limites dinâmicos  calculados com base em informações meteorológicas em tempo real, permitindo assim maximizar a utilização das linhas. Essa abordagem é particularmente vantajosa em áreas de alto potencial eólico, nas quais a carga e capacidade de transmissão estão positivamente correlacionadas com a velocidade do vento. Há estudos que apontam ganhos substanciais de ampacidade na rede em regiões e períodos com velocidade de vento elevada. Portanto, este  trabalho tem como objetivo apresentar uma revisão sobre o tema e uma descrição dos métodos utilizados para tratar de limites térmicos em condutores. Por fim, serão identificadas  instalações de transmissão em determinadas regiões que podem se beneficiar dessa aplicação para analisar a viabilidade da proposta. Vale destacar que, o uso otimizado das linhas de transmissão por meio desta abordagem pode reduzir a necessidade de expansão da rede e beneficiar à sociedade com tarifas menores e ao meio ambiente, por postergar novas instalações e fazer melhor uso da rede existente.


  • Mostrar Abstract
  • A geração de eólica aumentou significativamente no Brasil. Entretanto, a infraestrutura do sistema de distribuição e demais instalações necessárias para levar a energia elétrica das áreas onde ela é gerada para os locais de consumo não acompanhou o mesmo ritmo de crescimento. Consequentemente, o sistema de transmissão tornou-se um gargalo para a expansão do setor elétrico, e a construção de novas linhas envolve altos investimentos. Além disso, os limites térmicos da linha de transmissão que estabelecem a corrente máxima permitida, dada a temperatura do condutor, conceito também conhecido como ampacidade, são fatores determinantes na tomada decisão para implementação de reforço na rede ou de novos empreendimentos. Este limite operacional é determinado de acordo com normas técnicas, que consideram valores predeterminados para parâmetros ambientais, como velocidade do vento, radiação solar e temperatura ambiente, para determinar a ampacidade estática do condutor. Uma alternativa para promover o melhor uso da rede existente é usar limites dinâmicos  calculados com base em informações meteorológicas em tempo real, permitindo assim maximizar a utilização das linhas. Essa abordagem é particularmente vantajosa em áreas de alto potencial eólico, nas quais a carga e capacidade de transmissão estão positivamente correlacionadas com a velocidade do vento. Há estudos que apontam ganhos substanciais de ampacidade na rede em regiões e períodos com velocidade de vento elevada. Portanto, este  trabalho tem como objetivo apresentar uma revisão sobre o tema e uma descrição dos métodos utilizados para tratar de limites térmicos em condutores. Por fim, serão identificadas  instalações de transmissão em determinadas regiões que podem se beneficiar dessa aplicação para analisar a viabilidade da proposta. Vale destacar que, o uso otimizado das linhas de transmissão por meio desta abordagem pode reduzir a necessidade de expansão da rede e beneficiar à sociedade com tarifas menores e ao meio ambiente, por postergar novas instalações e fazer melhor uso da rede existente.

Teses
1
  • CARLOS MARIO ROCHA OSORIO
  • CONTROLE DIRETO DE TORQUE FUZZY-PI E CONTROLE VETORIAL DE POTÊNCIAS DEADBEAT-FUZZY APLICADOS NO AEROGERADOR DE INDUÇÃO COM ROTOR BOBINADO

  • Orientador : ALFEU JOAOZINHO SGUAREZI FILHO
  • Data: 25/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

2
  • HAROLDO LUIZ NOGUEIRA DA SILVA
  • FRAMEWORK PARA BENCHMARKING EM EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM PORTFÓLIO DE EDIFICAÇÕES COM USO DE MACHINE LEARNING E DEA

  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 10/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

3
  • RAQUEL FERNANDES DE MACEDO
  • FATORES QUE AFETAM O APOIO DOS RESIDENTES A PROJETOS DE IMPLANTAÇÃO DE PARQUES EÓLICOS EM DESTINOS TURÍSTICOS COSTEIROS

  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 16/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

4
  • LUANA DOS SANTOS ANDRADE
  • APLICAÇÃO DE SÍLICAS MESOPOROSAS FUNCIONALIZADAS COM IMIDAS AROMÁTICAS PARA ADSORÇÃO E FOTODEGRADAÇÃO DE ASFALTENOS

  • Orientador : SERGIO BROCHSZTAIN
  • Data: 12/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

5
  • ALEX SOTO DA SILVA
  • Desenvolvimento e Implementação de Algoritmo Inteligente para Detecção e Localização de Faltas em Sistemas LCC-HVDC

  • Orientador : RICARDO CANELOI DOS SANTOS
  • Data: 05/07/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um algoritmo inteligente para a detecção e localização de faltas em sistemas de alta tensão de corrente contínua (HVDC – High Voltage Direct Current) com tecnologia baseada em conversores comutados por linha (LCC – Line Commutated Converter), conhecidos como sistemas LCC-HVDC. Para a detecção da falta são usados os valores eficazes das tensões de fase na entrada da subestação retificadora, além dos sinais de tensão e corrente na linha DC. Já para a localização da falta é utilizada somente uma janela com amostras do sinal da tensão DC pós-falta, resultando em um esquema de detecção e localização que dispensa links de comunicação, operando apenas com sinais locais.  As duas funções mencionadas são executadas por redes neurais artificiais (RNAs), sendo a função de localização baseada no conceito de similaridade. O algoritmo é desenvolvido e avaliado por meio do sistema LCC-HVDC referência do CIGRE e, posteriormente, validado por um segundo sistema operando com a mesma tecnologia. O algoritmo desenvolvido foi avaliado considerando centenas de diferentes casos de falta nos dois sistemas HVDC adotados neste estudo, mostrando-se rápido e preciso, mesmo para faltas em diferentes distâncias da linha DC, distintos carregamentos do sistema HVDC e uma ampla faixa de valores de resistência de falta. Depois de validado em ambiente computacional, o sistema é implementado em hardware e testado por meio do RTDS (Real Time Digital Simulator), mostrando-se uma alternativa viável para aplicações práticas.


  • Mostrar Abstract
  • Este trabalho apresenta um algoritmo inteligente para a detecção e localização de faltas em sistemas de alta tensão de corrente contínua (HVDC – High Voltage Direct Current) com tecnologia baseada em conversores comutados por linha (LCC – Line Commutated Converter), conhecidos como sistemas LCC-HVDC. Para a detecção da falta são usados os valores eficazes das tensões de fase na entrada da subestação retificadora, além dos sinais de tensão e corrente na linha DC. Já para a localização da falta é utilizada somente uma janela com amostras do sinal da tensão DC pós-falta, resultando em um esquema de detecção e localização que dispensa links de comunicação, operando apenas com sinais locais.  As duas funções mencionadas são executadas por redes neurais artificiais (RNAs), sendo a função de localização baseada no conceito de similaridade. O algoritmo é desenvolvido e avaliado por meio do sistema LCC-HVDC referência do CIGRE e, posteriormente, validado por um segundo sistema operando com a mesma tecnologia. O algoritmo desenvolvido foi avaliado considerando centenas de diferentes casos de falta nos dois sistemas HVDC adotados neste estudo, mostrando-se rápido e preciso, mesmo para faltas em diferentes distâncias da linha DC, distintos carregamentos do sistema HVDC e uma ampla faixa de valores de resistência de falta. Depois de validado em ambiente computacional, o sistema é implementado em hardware e testado por meio do RTDS (Real Time Digital Simulator), mostrando-se uma alternativa viável para aplicações práticas.

6
  • LUIZ CARLOS DA CUNHA E SILVA
  • METODOLOGIA HÍBRIDA PARA ESTIMAÇÃO DO NÍVEL DE ENCHIMENTO EM MOINHO DE BOLAS DE FLUXO CONTÍNUO

  • Orientador : JESUS FRANKLIN ANDRADE ROMERO
  • Data: 12/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Problemas modernos de engenharia demandam abordagens interdisciplinares, lidando com métodos de análise complexos que precisam ser aplicados em plataformas industriais. No caso dos processos de cominuição, aplicados na indústria de mineração, enormes quantidades de energia são consumidas por processos altamente ineficientes. Recentemente, metodologias com viés interdisciplinar baseados em modelagem dinâmica ou processamento de sinais, foram propostas para equacionar o problema de consumo de energia mediante soluções mais sustentáveis do ponto de vista energético. A complexidade dos sistemas de moagem reside na sua composição descrita por modelos não lineares e variantes no tempo. De forma a lidar com questões de eficiência energética, controladores e supervisórios industriais baseados em modelo, normalmente demandam a identificação dos parâmetros de processo. No caso do moinho de bolas, o acoplamento fixo do redutor e o acionamento elétrico inviabilizam ensaios clássicos de laboratório para a medição direta dos parâmetros elétricos e mecânicos. Nesse sentido, o presente trabalho propõe uma metodologia composta por diferentes técnicas de identificação de forma a determinar um modelo representativo de todo o sistema de moagem, ou seja, acionamento elétrico, redutor mecânico e carga. A identificação dos parâmetros elétricos é realizada através de técnicas de Filtragem por Variáveis de Estado (SVF), regressão linear e Mínimos Quadrados Recursivos (RLS). Os parâmetros mecânicos, por outro lado, são identificados considerando unicamente o tempo de aceleração do sistema. Um ajuste final do conjunto de parâmetros foi realizado mediante a técnica de mínimos quadrados não lineares. Adicionalmente, um estimador de torque de carga é proposto baseado no projeto de Filtros Passa Altas (FPA), de forma a acompanhar a evolução do processo de moagem, assim como a sua eficiência. Em relação ao estado da arte, destaca-se que o procedimento proposto para a avaliação de eficiência, considera a dinâmica de todos os componentes físicos do moinho sem a necessidade de desacoplamentos. Simulações das operações do moinho comparadas com variáveis medidas do sistema mostram o bom desempenho da metodologia proposta. Dessa forma a metodologia proposta apresenta uma originalidade na implementação de um modelo complexo.


  • Mostrar Abstract
  • Problemas modernos de engenharia demandam abordagens interdisciplinares, lidando com métodos de análise complexos que precisam ser aplicados em plataformas industriais. No caso dos processos de cominuição, aplicados na indústria de mineração, enormes quantidades de energia são consumidas por processos altamente ineficientes. Recentemente, metodologias com viés interdisciplinar baseados em modelagem dinâmica ou processamento de sinais, foram propostas para equacionar o problema de consumo de energia mediante soluções mais sustentáveis do ponto de vista energético. A complexidade dos sistemas de moagem reside na sua composição descrita por modelos não lineares e variantes no tempo. De forma a lidar com questões de eficiência energética, controladores e supervisórios industriais baseados em modelo, normalmente demandam a identificação dos parâmetros de processo. No caso do moinho de bolas, o acoplamento fixo do redutor e o acionamento elétrico inviabilizam ensaios clássicos de laboratório para a medição direta dos parâmetros elétricos e mecânicos. Nesse sentido, o presente trabalho propõe uma metodologia composta por diferentes técnicas de identificação de forma a determinar um modelo representativo de todo o sistema de moagem, ou seja, acionamento elétrico, redutor mecânico e carga. A identificação dos parâmetros elétricos é realizada através de técnicas de Filtragem por Variáveis de Estado (SVF), regressão linear e Mínimos Quadrados Recursivos (RLS). Os parâmetros mecânicos, por outro lado, são identificados considerando unicamente o tempo de aceleração do sistema. Um ajuste final do conjunto de parâmetros foi realizado mediante a técnica de mínimos quadrados não lineares. Adicionalmente, um estimador de torque de carga é proposto baseado no projeto de Filtros Passa Altas (FPA), de forma a acompanhar a evolução do processo de moagem, assim como a sua eficiência. Em relação ao estado da arte, destaca-se que o procedimento proposto para a avaliação de eficiência, considera a dinâmica de todos os componentes físicos do moinho sem a necessidade de desacoplamentos. Simulações das operações do moinho comparadas com variáveis medidas do sistema mostram o bom desempenho da metodologia proposta. Dessa forma a metodologia proposta apresenta uma originalidade na implementação de um modelo complexo.

7
  • SÉRGIO EDUARDO PALMIERE
  • METODOLOGIA PARA DESENVOLVIMENTO DE EDIFÍCIOS SUSTENTÁVEIS E SEGUROS: APLICAÇÃO DA CERTIFICAÇÃO NET ZERO ÁGUA E ENERGIA EM EDIFÍCIOS COMERCIAIS NA CIDADE DE SÃO PAULO

  • Orientador : LUIS ALBERTO MARTINEZ RIASCOS
  • Data: 19/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Edifícios são um dos maiores consumidores de energia no mundo, consumindo em torno de 30-40% de toda a energia gerada nos países desenvolvidos. Assim, considerar uma metodologia para desenvolvimento de edifícios sustentáveis (com menor consumo de energia) mas ao mesmo tempo seguros é essencial. Com o surgimento das certificações verdes, formas de reduzir o consumo de energia e água começaram a ser estudados, sendo que atualmente a certificação verde chamada Living Building Challenge (LBC), criada nos Estados Unidos da América é a maior referência quanto a edificações net zero ou consumo externo zero de energia e água. O consumo zero se baseia na geração local de energia por meios sustentáveis e na captação de águas pluviais, uso de estratégias de gerenciamento de água, tratamento e uso de águas cinzas, de modo a atender as necessidades da edificação ao longo de todo o período de operação. Para isto diversas técnicas como telhados e paredes verdes, arquitetura bioclimática, módulos fotovoltaicos, alagados construídos, banheiros secos, entre outros são aplicados. Para a aplicação da metodologia na cidade de São Paulo, esta deve atender a Lei 16.402 de março de 2016 que rege o parcelamento do solo, assim como o Decreto 63.911 que trata sobre a prevenção e combate a incêndios no Estado de São Paulo. Este trabalho teve como objetivo estudar as diversas técnicas usadas em edifícios net zero para desenvolver uma metodologia que possa ser aplicada a edifícios comerciais localizados na cidade de São Paulo, atendendo à normatização LBC, o Decreto 63.911 e a Lei 16.402. A metodologia foi testada com três modelos de prédios comerciais, um edifício de médio porte de uma única empresa, um edifício comercial de grande porte de escritórios e um shopping center alocados dentro da cidade de São Paulo. A metodologia proposta provou ser eficiente, contudo, para que um edifício possa ser totalmente independente de água e energia de redes externas, se fez necessário modificar o padrão atual de construção, utilizando a arquitetura bioclimática, optando-se por prédios com menor altura e usando a máxima taxa de ocupação do solo.


  • Mostrar Abstract
  • Edifícios são um dos maiores consumidores de energia no mundo, consumindo em torno de 30-40% de toda a energia gerada nos países desenvolvidos. Assim, considerar uma metodologia para desenvolvimento de edifícios sustentáveis (com menor consumo de energia) mas ao mesmo tempo seguros é essencial. Com o surgimento das certificações verdes, formas de reduzir o consumo de energia e água começaram a ser estudados, sendo que atualmente a certificação verde chamada Living Building Challenge (LBC), criada nos Estados Unidos da América é a maior referência quanto a edificações net zero ou consumo externo zero de energia e água. O consumo zero se baseia na geração local de energia por meios sustentáveis e na captação de águas pluviais, uso de estratégias de gerenciamento de água, tratamento e uso de águas cinzas, de modo a atender as necessidades da edificação ao longo de todo o período de operação. Para isto diversas técnicas como telhados e paredes verdes, arquitetura bioclimática, módulos fotovoltaicos, alagados construídos, banheiros secos, entre outros são aplicados. Para a aplicação da metodologia na cidade de São Paulo, esta deve atender a Lei 16.402 de março de 2016 que rege o parcelamento do solo, assim como o Decreto 63.911 que trata sobre a prevenção e combate a incêndios no Estado de São Paulo. Este trabalho teve como objetivo estudar as diversas técnicas usadas em edifícios net zero para desenvolver uma metodologia que possa ser aplicada a edifícios comerciais localizados na cidade de São Paulo, atendendo à normatização LBC, o Decreto 63.911 e a Lei 16.402. A metodologia foi testada com três modelos de prédios comerciais, um edifício de médio porte de uma única empresa, um edifício comercial de grande porte de escritórios e um shopping center alocados dentro da cidade de São Paulo. A metodologia proposta provou ser eficiente, contudo, para que um edifício possa ser totalmente independente de água e energia de redes externas, se fez necessário modificar o padrão atual de construção, utilizando a arquitetura bioclimática, optando-se por prédios com menor altura e usando a máxima taxa de ocupação do solo.

8
  • CLAUDEMIR DUCA VASCONCELOS
  • Expansão da rede de transporte de gás natural no Brasil: Metodologia em perspectiva mesorregional

  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 27/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • No atual cenário o gás natural (GN) se destaca como um dos combustíveis em potencial crescimento previstos para os próximos anos por aspectos técnico, econômico e ambiental. Contudo, faz-se necessário realização de pesquisas para suportar o planejamento da expansão da rede de transporte no Brasil. Este trabalho tem foco nos setores industrial e termelétrico que representam 85% do consumo do GN no Brasil (59,6 MM metros cúbicos por dia em 2018). São escassos os estudos e bibliografia no Brasil sobre metodologias para prover previsão da demanda e promoção da expansão da malha de gasodutos. A maior parte da extensão da atual malha se concentra na costa brasileira entre a região Nordeste e Sul. O Ministério de Minas e Energia aponta a necessidade de desagregação das estimativas de previsões de consumo e descida ao nível de dados localizados. Esta pesquisa consiste na aplicação, análise e avaliação de metodologia para proposição da expansão da rede de transporte de GN com base na divisão mesorregional, modelo estatístico, modelo matemático e teoria dos grafos. A metodologia aplicada se baseia na variável econômica “valor da transformação industrial”, divisão territorial em perspectiva mesorregional, consumo energético industrial em nível nacional, utilização do modelos Holt e Verhulst (logístico)  para previsão do consumo de GN para o setor industrial e termelétrico, utilização de programação linear para proposição da expansão da rede de transporte de GN. Foram utilizadas as ferramentas R®, MS Excel® com o suplemento Solver and e Quantum GIS® (QGIS). O consumo de GN total previsto pelo método Verhulst para o setor industrial e Holt para o termelétrico, para o ano de 2022, totalizou 180 MM metros cúbicos por dia e mostra um cenário otimista comparado à meta nacional de acordo com o plano decenal de energia 2027 com previsão de 48,3 MM metros cúbicos por dia em 2022. A área territorial com a atual rede de transporte também se apresenta como importante potencial para crescimento da demanda do GN. Identificou-se as posições geográficas para os respectivos centros potenciais de consumo em nível mesorregional e proposição de traçados de gasodutos de forma atender a expansão da rede de transporte do energético no atendimento aos potencias centros consumidores.


  • Mostrar Abstract
  • No atual cenário o gás natural (GN) se destaca como um dos combustíveis em potencial crescimento previstos para os próximos anos por aspectos técnico, econômico e ambiental. Contudo, faz-se necessário realização de pesquisas para suportar o planejamento da expansão da rede de transporte no Brasil. Este trabalho tem foco nos setores industrial e termelétrico que representam 85% do consumo do GN no Brasil (59,6 MM metros cúbicos por dia em 2018). São escassos os estudos e bibliografia no Brasil sobre metodologias para prover previsão da demanda e promoção da expansão da malha de gasodutos. A maior parte da extensão da atual malha se concentra na costa brasileira entre a região Nordeste e Sul. O Ministério de Minas e Energia aponta a necessidade de desagregação das estimativas de previsões de consumo e descida ao nível de dados localizados. Esta pesquisa consiste na aplicação, análise e avaliação de metodologia para proposição da expansão da rede de transporte de GN com base na divisão mesorregional, modelo estatístico, modelo matemático e teoria dos grafos. A metodologia aplicada se baseia na variável econômica “valor da transformação industrial”, divisão territorial em perspectiva mesorregional, consumo energético industrial em nível nacional, utilização do modelos Holt e Verhulst (logístico)  para previsão do consumo de GN para o setor industrial e termelétrico, utilização de programação linear para proposição da expansão da rede de transporte de GN. Foram utilizadas as ferramentas R®, MS Excel® com o suplemento Solver and e Quantum GIS® (QGIS). O consumo de GN total previsto pelo método Verhulst para o setor industrial e Holt para o termelétrico, para o ano de 2022, totalizou 180 MM metros cúbicos por dia e mostra um cenário otimista comparado à meta nacional de acordo com o plano decenal de energia 2027 com previsão de 48,3 MM metros cúbicos por dia em 2022. A área territorial com a atual rede de transporte também se apresenta como importante potencial para crescimento da demanda do GN. Identificou-se as posições geográficas para os respectivos centros potenciais de consumo em nível mesorregional e proposição de traçados de gasodutos de forma atender a expansão da rede de transporte do energético no atendimento aos potencias centros consumidores.

9
  • DAVI WILKSON FURTADO SOZINHO
  • Serviços Ecossistêmicos na Avaliação Ambiental Integrada de Bacia Hidrográfica para Aproveitamento Hidroelétrico

  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 10/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

10
  • EDGAR FERNANDO CORTES RODRIGUEZ
  • MODELAGEM, INTEGRAÇÃO E AVALIAÇÃO ENERGÉTICA DE MELHORIAS TECNOLÓGICAS NO PROCESSO DE PRODUÇÃO DE ETANOL CONVENCIONAL E POR HIDRÓLISE ENZIMÁTICA A PARTIR DA CANA-DE-AÇÚCAR

  • Orientador : SILVIA AZUCENA NEBRA DE PEREZ
  • Data: 13/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Com a vantagem que oferece a cana-de-açúcar por ser a opção de biomassa energética de maior produtividade por unidade de área e, o desenvolvimento nos últimos anos dos denominados “processos de segunda geração” os quais possibilitam a geração de etanol a partir da hidrólise de materiais lignocelulósicos permitindo um aumento significativo na produção de etanol, um novo cenário energético para a produção de biocombustíveis através do aproveitamento da biomassa residual vem sendo estabelecido recentemente. No entanto, embora a tecnologia de hidrólise enzimática seja integrada ao processo convencional de produção de etanol, como feito em algumas unidades já instaladas no pais, os elevados custos de produção a partir dos processos de segunda geração não permitem uma competitividade com o etanol de primeira geração no mercado energético. Junto com os incentivos econômicos oferecidos pelo governo, uma produção viável e massificada de etanol de segunda geração através do desenvolvimento tecnológico continuo do processo produtivo, é o aspecto mais importante no caminho a ter um biocombustível acessível de baixo custo, com isto, o presente trabalho tem como objetivo gerar um aporte ao desenvolvimento do processo produtivo de segunda geração a traves de: i) a análise e diagnostico das possibilidades de incremento da produção de etanol avaliando possíveis melhorias em processos específicos como a destilação, concentração, fermentação e hidrólise, ii) a elaboração de propostas de integração térmica dos processos e subprocessos de primeira e segunda geração visando a diminuição do consumo energético no processo de produção, e iii) a avaliação das implicações no sistema de cogeração derivadas da integração dos processos de primeira e segunda geração e a introdução do aquecimento regenerativo no mesmo.  No desenvolvimento deste trabalho são utilizadas ferramentas de análise como o Aspen Plus, ferramentas de cálculo como o EES (Engineering Equation Solver) e o método de análise Pinch-Point para a integração energética dos diferentes processos.


  • Mostrar Abstract
  • Com a vantagem que oferece a cana-de-açúcar por ser a opção de biomassa energética de maior produtividade por unidade de área e, o desenvolvimento nos últimos anos dos denominados “processos de segunda geração” os quais possibilitam a geração de etanol a partir da hidrólise de materiais lignocelulósicos permitindo um aumento significativo na produção de etanol, um novo cenário energético para a produção de biocombustíveis através do aproveitamento da biomassa residual vem sendo estabelecido recentemente. No entanto, embora a tecnologia de hidrólise enzimática seja integrada ao processo convencional de produção de etanol, como feito em algumas unidades já instaladas no pais, os elevados custos de produção a partir dos processos de segunda geração não permitem uma competitividade com o etanol de primeira geração no mercado energético. Junto com os incentivos econômicos oferecidos pelo governo, uma produção viável e massificada de etanol de segunda geração através do desenvolvimento tecnológico continuo do processo produtivo, é o aspecto mais importante no caminho a ter um biocombustível acessível de baixo custo, com isto, o presente trabalho tem como objetivo gerar um aporte ao desenvolvimento do processo produtivo de segunda geração a traves de: i) a análise e diagnostico das possibilidades de incremento da produção de etanol avaliando possíveis melhorias em processos específicos como a destilação, concentração, fermentação e hidrólise, ii) a elaboração de propostas de integração térmica dos processos e subprocessos de primeira e segunda geração visando a diminuição do consumo energético no processo de produção, e iii) a avaliação das implicações no sistema de cogeração derivadas da integração dos processos de primeira e segunda geração e a introdução do aquecimento regenerativo no mesmo.  No desenvolvimento deste trabalho são utilizadas ferramentas de análise como o Aspen Plus, ferramentas de cálculo como o EES (Engineering Equation Solver) e o método de análise Pinch-Point para a integração energética dos diferentes processos.

11
  • ANDERSON PASSOS DE ARAGÃO
  • SIMULADOR E OTIMIZADOR APLICADO AO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO DE SISTEMAS HIDROTÉRMICOS DE POTÊNCIA USANDO INTELIGENCIA ARTIFICIAL

  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 19/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • A coordenação hidrotérmica pode ser definida como um problema para determinar o uso otimizado dos recursos hidroelétricos e térmicos disponíveis durante um horizonte de planejamento. Em sistemas hidrotérmicos de geração com predominância de usinas hidroelétricas, como é o caso do sistema brasileiro, busca-se substituir, na medida do possível, a geração termoelétrica por geração hidráulica de forma a minimizar o custo da operação do sistema. Portanto, este trabalho apresenta o desenvolvimento de um módulo de geração para um sistema de suporte à decisão aplicado ao problema da coordenação hidrotérmica denominado de Energ.IA. Neste módulo foi desenvolvido um otimizador baseado em inteligência computacional, por meio do emprego de um algoritmo de Otimização por Enxame de Partículas (PSO) combinado com um Fluxo em Rede com arcos capacitados. Além disso, levou-se em consideração as usinas hidroelétricas individualizadas, utilizando dados reais, tanto das características construtivas das usinas quanto das vazões afluentes naturais. O algoritmo proposto possibilita também o uso da transferência de água entre rios e bacias na otimização da política operacional dos reservatórios das usinas hidroelétricas, em contribuição ao planejamento da operação do sistema hidrotérmico brasileiro. O módulo desenvolvido ainda integra um banco de dados com informações sobre o sistema hidroelétrico, uma interface gráfica para facilitar a definição dos dados de otimização e a visualização das características de todas as usinas hidroelétricas do Sistema Interligado Nacional (SIN). Foram realizados diversos estudos de caso considerando 1 uma usina hidroelétrica, 2 usinas e 4 usinas em cascata e um estudo com uma cascata de 7 usinas em formato de Y. A transferência de água entre rios foi analisada por meio de dois estudos de caso considerando 4 usinas hidroelétricas, considerando diferentes cenários hidrológicos. Além dos estudos relativos ao desempenho do algoritmo, foi realizado um estudo considerando o custo da produção da energia elétrica com o uso da transferência e sem o seu uso. Também foi realizado estudos relativos à emissão de CO2, caso a energia decorrente da transferência de água fosse realizada por usinas termoelétricas. Os resultados apresentados se mostraram satisfatórios acompanhando a tendência do que se tem encontrado na literatura em todos os estudos de caso considerados.


  • Mostrar Abstract
  • A coordenação hidrotérmica pode ser definida como um problema para determinar o uso otimizado dos recursos hidroelétricos e térmicos disponíveis durante um horizonte de planejamento. Em sistemas hidrotérmicos de geração com predominância de usinas hidroelétricas, como é o caso do sistema brasileiro, busca-se substituir, na medida do possível, a geração termoelétrica por geração hidráulica de forma a minimizar o custo da operação do sistema. Portanto, este trabalho apresenta o desenvolvimento de um módulo de geração para um sistema de suporte à decisão aplicado ao problema da coordenação hidrotérmica denominado de Energ.IA. Neste módulo foi desenvolvido um otimizador baseado em inteligência computacional, por meio do emprego de um algoritmo de Otimização por Enxame de Partículas (PSO) combinado com um Fluxo em Rede com arcos capacitados. Além disso, levou-se em consideração as usinas hidroelétricas individualizadas, utilizando dados reais, tanto das características construtivas das usinas quanto das vazões afluentes naturais. O algoritmo proposto possibilita também o uso da transferência de água entre rios e bacias na otimização da política operacional dos reservatórios das usinas hidroelétricas, em contribuição ao planejamento da operação do sistema hidrotérmico brasileiro. O módulo desenvolvido ainda integra um banco de dados com informações sobre o sistema hidroelétrico, uma interface gráfica para facilitar a definição dos dados de otimização e a visualização das características de todas as usinas hidroelétricas do Sistema Interligado Nacional (SIN). Foram realizados diversos estudos de caso considerando 1 uma usina hidroelétrica, 2 usinas e 4 usinas em cascata e um estudo com uma cascata de 7 usinas em formato de Y. A transferência de água entre rios foi analisada por meio de dois estudos de caso considerando 4 usinas hidroelétricas, considerando diferentes cenários hidrológicos. Além dos estudos relativos ao desempenho do algoritmo, foi realizado um estudo considerando o custo da produção da energia elétrica com o uso da transferência e sem o seu uso. Também foi realizado estudos relativos à emissão de CO2, caso a energia decorrente da transferência de água fosse realizada por usinas termoelétricas. Os resultados apresentados se mostraram satisfatórios acompanhando a tendência do que se tem encontrado na literatura em todos os estudos de caso considerados.

2018
Dissertações
1
  • THIAGO PEDROSO
  • Proposta de Aperfeiçoamento do Processo de Avaliação e Fiscalização dos Indicadores de Continuidade Individuais e Coletivos das Distribuidoras de Energia Elétrica
  • Orientador : THALES SOUSA
  • Data: 07/03/2018

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • FELIPE BRAGGIO MOLINA
  • Análise do processo de gaseificação hidrotérmica supercrítica para a recuperação energética da vinhaça na produção de etanol
  • Orientador : ADRIANO VIANA ENSINAS
  • Data: 22/05/2018

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • FERNANDO HENRIQUES SALINA
  • Simulação e análise energética da pirólise rápida da palha da cana-de-açúcar

  • Orientador : REYNALDO PALACIOS BERECHE
  • Data: 22/05/2018

  • Mostrar Resumo
  • Aguardando entrega da versão final.


  • Mostrar Abstract
  • Aguardando entrega da versão final.

4
  • DEYVISON SOUZA RODRIGUES
  • Densificação de caroços de açaí: caracterização e efeito das condições de processamento

  • Orientador : GRAZIELLA COLATO ANTONIO
  • Data: 05/06/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

5
  • DOUGLAS PEREIRA DE SOUZA
  • Avaliação de impacto à saúde: estudo da Usina Hidrelétrica de Belo Monte e uma análise sobre a violência em Altamira-PA

  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 17/08/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

6
  • MARCELO FLORENCIO
  • Proposta para inserção do estudo de energias renováveis na formação de técnicos no Estado de São Paulo

  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 28/09/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

7
  • JANAÍNA SIMÕES LUCENA
  • Controle sem fio codificado de inversores para fontes renováveis de energia conectados à rede elétrica

  • Orientador : ALFEU JOAOZINHO SGUAREZI FILHO
  • Data: 28/11/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

8
  • ALINE RUIZ DE SANTANA
  • Caracterização dos Rejeitos Plásticos oriundos dos resíduos úmidos e secos do município de Santo André, visando seu aproveitamento energético 

  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 04/12/2018

  • Mostrar Resumo
  • Caracterização dos Rejeitos Plásticos oriundos dos resíduos úmidos e secos do município de Santo andré, visando seu aproveitamento energético 


  • Mostrar Abstract
  • Caracterização dos Rejeitos Plásticos oriundos dos resíduos úmidos e secos do município de Santo andré, visando seu aproveitamento energético 

Teses
1
  • PAULO GUILHERME SEIFER
  • A relação entre Usinas Hidrelétricas e Territórios para além da geração de energia - o caso das Usinas Hidrelétricas de Sobradinho - BA e Machadinho - RS
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 15/02/2018

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • DELANO MENDES DE SANTANA
  • ABORDAGEM MRL, ARIMA E DATA MINING PARA OTIMIZAÇÃO DE CUSTOS NO SUPRIMENTO ENERGÉTICO EM PLANTAS PETROQUÍMICAS
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 21/02/2018

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • ANDRÉ LUIZ DE LACERDA FERREIRA MURARI
  • Regulador Quadrático Linear Ponderado com Otimização por Enxame de Partículas Modificado Aplicado a Geradores de Indução com Rotor Bobinado
  • Orientador : ALFEU JOAOZINHO SGUAREZI FILHO
  • Data: 26/02/2018

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • RODOLFO SBROLINI TIBURCIO
  • Caracterização de resíduos sólidos urbanos secos provenientes do processo de triagem visando o aproveitamento energético através do seu uso como combustível derivado de resíduo
  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 12/03/2018

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • FRANCISCO CÉSAR DALMO
  • Proposta para a efetiva inserção da recuperação energética dos resíduos sólidos urbanos no Brasil

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 03/09/2018

  • Mostrar Resumo
  • Aguardando entrega da versão final.


  • Mostrar Abstract
  • Aguardando entrega da versão final.

6
  • ROBERTO ASANO JUNIOR
  • Energetic Integration of New Sources in Brazilian Renewable Electricity Mix

  • Orientador : IVAN ROBERTO SANTANA CASELLA
  • Data: 21/09/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

7
  • VICTOR LUIZ MERLIN
  • Metodologia Baseada em Redes Neurais Artificiais para Detecção, Classificação e Localização de Faltas em Sistemas HVDC

  • Orientador : RICARDO CANELOI DOS SANTOS
  • Data: 08/11/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

8
  • RAFAEL AUGUSTO SOTANA DE SOUZA
  • Avaliação do comportamento pirolítico e do potencial biotecnológico da biomassa de Scenedesmus sp.

  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 12/12/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não informado.


  • Mostrar Abstract
  • Não informado.

2017
Dissertações
1
  • CAIRÊ MOURA FRANCO
  • Aplicação do planejamento integrado de recursos em usina hidroelétrica sob o regime de cotas de garantia física
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 09/02/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • PATRY JOHANA COLORADO VALLEJO
  • Metodologia para identificação das condições de operação de geração distribuída: Estudo de caso de geração a partir de resíduos sólidos urbanos
  • Orientador : AHDA PIONKOSKI GRILO PAVANI
  • Data: 24/02/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • CAMILA DE LIMA
  • ANÁLISE MULTICRITÉRIO E APLICAÇÃO SIG PARA LOCALIZAÇÃO DO POTENCIAL EÓLICO, VISANDO O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 10/03/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • ROBERTO TADEU SOARES PINTO
  • INTEGRAÇÃO DOS MERCADOS DE ELETRICIDADE DA AMÉRICA DO SUL POR MEIO DA COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 05/05/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • CAROLINA LÓPEZ CASTRILLÓN
  • Potencial de Geração de Energia Elétrica a partir do bagaço e da palha de cana-de-açúcar analisando tecnologias de aproveitamento energético
  • Orientador : SILVIA AZUCENA NEBRA DE PEREZ
  • Data: 22/05/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • HARUE KUBO
  • Influência da Composição Gravimétrica e do Teor de Umidade dos Resíduos Sólidos Urbanos na Eficiência do Processo de Gaseificação
  • Orientador : ANTONIO GARRIDO GALLEGO
  • Data: 07/06/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • SHEVINE SILVA OLIVEIRA RISSO
  • Análise do Desempenho de Reservatório de Uso Múltiplo: Estudo de Caso na Sub-bacia Billings
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 09/06/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • CLAUDIO LIMA RODRIGUES
  • ANÁLISE TERMODINÂMICA E ECONÔMICA DA APLICAÇÃO DE CICLO COMBINADO À REPOTENCIAÇÃO DE CENTRAIS NUCLEARES PWR
  • Orientador : ANTONIO GARRIDO GALLEGO
  • Data: 21/06/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • MARINA CARRATO GALUZZI DA SILVA
  • Gestão de riscos de derramamento de hidrocarbonetos na zona costeira - O caso do Porto de Santos, São Paulo
  • Orientador : HERLANDER DA MATA FERNANDES LIMA
  • Data: 27/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • KATHERINE BENITES BONATO MARANA
  • Caracterização da fração orgânica dos resíduos sólidos urbanos do município de Santo André (SP) para avaliação do potencial de produção de biometano
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 14/09/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • JOAO DANIEL CHO
  • Modelagem termodinâmica do processo de gaseificação: Modelos de equilíbrio e semi-equilíbrio
  • Orientador : ANTONIO GARRIDO GALLEGO
  • Data: 26/09/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

12
  • JHULIANA MARCELA GALLEGO RÍOS
  • Efeito das Condições de Processamento nas Propriedades de Briquetes Produzidos com Resíduos da Produção de Bioetanol: Caracterização e Análise do Comportamento Termogravimétrico

  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 10/10/2017

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

13
  • JHULIANA MARCELA GALLEGO RÍOS
  • Efeito das Condições de Processamento nas Propriedades de Briquetes Produzidos com Resíduos da Produção de Bioetanol: Caracterização e Análise do Comportamento Termogravimétrico
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 10/10/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

14
  • RUI CESAR CAMBI
  • SHALE GAS & OIL: A NOVA DINÂMICA ENERGÉTICA MUNDIAL E AS PERSPECTIVAS PARA O BRASIL
  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 25/10/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

15
  • SÉRGIO BARBOZA JÚNIOR
  • Avaliação do efeito da redução de umidade do bagaço de cana de açúcar para cogeração de energia: estudo de caso da Nardini Agroindustrial LTDA.

  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 22/11/2017

  • Mostrar Resumo
  • Aguardando entrega da versão final.


  • Mostrar Abstract
  • Aguardando entrega da versão final.

16
  • DOUGLAS BELLINI
  • Proposta de implementação de seguidor solar considerando condições nubladas
  • Orientador : AHDA PIONKOSKI GRILO PAVANI
  • Data: 06/12/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • THIAGO ROGÉRIO SCHMIDT PASTRO
  • Dinâmica, controle e análise de estabilidade de uma cadeira de rodas motorizada com sistema de locomoção epicíclico capaz de superar obstáculos
  • Orientador : LUIS ALBERTO MARTINEZ RIASCOS
  • Data: 08/02/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • FABIANO IONTA ANDRADE SILVA
  • O Gás Natural na Economia Brasileira: Uma Análise Ex Post
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 14/03/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • GIOVANNI LARANJO DE STEFANI
  • Sobre a viabilidade de conversão de um reator avançado PWR com núcleo de UO2 para (Th,U)O2
  • Orientador : JOSE RUBENS MAIORINO
  • Data: 28/04/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • ANDREZA ALVES DA SILVA
  • Nova abordagem do estudo de aspectos e impactos ambientais baseada no Diagrama de Ishikawa: Estudo de caso de oleoduto no leito do reservatório Billings

  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 22/05/2017

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

5
  • JAQUELINE GOMES CARDOSO
  • Filtro morfológico aplicado ao controle sem fio das potências de aerogeradores GIGE voltados as Smart Grid
  • Orientador : ALFEU JOAOZINHO SGUAREZI FILHO
  • Data: 31/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • JUAN SEBASTIÁN SOLÍS CHAVES
  • Controle Preditivo Generalizado com Horizonte Deslizante e Controle Direto de Potência Deadbeat aplicados em Sistemas Eólicos Baseados no Gerador de Indução de Rotor Bobinado
  • Orientador : ALFEU JOAOZINHO SGUAREZI FILHO
  • Data: 21/09/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • KELLY CRISTINA ROSA DRUDI
  • Modelo de Predição de Poder Calorífico dos Resíduos Sólidos Urbanos a partir de sua Composição Gravimétrica
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 27/09/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • ELLEN TALITA SARTÓRIO CARDOSO
  • Avaliação Ambiental Estratégica: subsídios para o planejamento hidrelétrico no Brasil
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 29/09/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • LUIS GERALDO GOMES DA SILVA
  • Contribuição para a supressão dos acidentes de trabalho fatais nas etapas da cadeia produtiva de energia elétrica
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 06/10/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • EDUARDO CHRISTIANO CECONE
  • MODELAGEM ENERGÉTICA DE SISTEMA DE TRANSPORTE PNEUMÁTICO UTILIZANDO PLANEJAMENTO FATORIAL
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 25/10/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • DEIGLYS BORGES MONTEIRO
  • DESCOMISSIONAMENTO DE CENTRAIS NUCLEARES NO BRASIL: Proposta de uma ferramenta de gestão de custos de descomissionamento
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 21/11/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

12
  • THIAGO RIBEIRO DE ALENCAR
  • Otimização da Potência de Bombeamento aplicado ao planejamento do sistema hidrotérmico de potência via colônia de formigas
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 06/12/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

13
  • WILLIAM MORETI DA ROSA
  • Impacto da intermitência da potência eólica na alocação de aerogeradores em redes de distribuição considerando as perdas
  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 06/12/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

14
  • CLÉSIO LIRANCIO LANDINI JUNIOR
  • PERSPECTIVA DE INSERÇÃO DE CHILLERS TERMO SOLARES NO SETOR RESIDENCIAL BRASILEIRO
  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 13/12/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

15
  • WALTER EVALDO KUCHENBECKER
  • Identificação de falhas em geradores eólicos a ímãs permanentes utilizando a análise da assinatura elétrica
  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 15/12/2017

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2016
Dissertações
1
  • DUVAN ALEJANDRO CASTELLANOS GONZALEZ
  • ELABORAÇÃO DE UM CÓDIGO DE TERMO-HIDRAULICA PARA REATORES NUCLEARES COM ELEMENTOS COMBUSTÍVEIS TIPO PLACA
  • Orientador : PEDRO CARAJILESCOV
  • Data: 26/01/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • BRUNA CASTANHEIRA
  • APLICAÇÃO DE MATERIAIS MESOPOROSOS FUNCIONALIZADOS COM IMIDAS AROMÁTICAS PARA USO EM DISPOSITIVOS FOTOATIVOS
  • Orientador : SERGIO BROCHSZTAIN
  • Data: 19/02/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • JULIAN ANDRES ARIZA ARIAS
  • Desenvolvimento rural, soberania alimentar e energias renováveis em comunidades rurais carentes
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 07/03/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • RHODINEY VAZ MARTINS
  • Avaliação da Potencialidade do Shale Gas no Brasil a partir da experiência dos Estados Unidos
  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 11/03/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • KELLY DANIELLY DA SILVA ALCANTARA
  • EXPERIÊNCIAS DE PORTUGAL VISANDO A GESTÃO INTEGRADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DO ATERRO MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ
  • Orientador : GRAZIELLA COLATO ANTONIO
  • Data: 23/03/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • BENJAMIN ANGEL FLORES ZAVALA
  • Beneficiamento do biogás produzido em biodigestores anaeróbios para produção de biometano e energia elétrica
  • Orientador : REYNALDO PALACIOS BERECHE
  • Data: 28/03/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • ANDREA CAROLINA GUTIERREZ GOMEZ
  • Caracterização da Fração Combustível de Resíduos Sólidos Urbanos úmidos do município de Santo André visando seu aproveitamento energético por processos termoquímicos
  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 30/03/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • EDUARDO CHRISTIANO CECONE
  • AVALIAÇÃO TECNO-FINANCEIRA DE ALTERNATIVAS PARA ATENDIMENTO DA DEMANDA DE ENERGIA ELÉTRICA DE UMA IES
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 04/05/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • ALEXANDER LUCAS BUSSE
  • Estimativa do inventário de material radioativo para centrais nucleares PWR no descomissionamento
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 13/05/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • ANDRESSA LODI DE BRITO
  • Construção de um módulo computacional para a simulação e avaliação de um ciclo BIGCC (Biomass Integrated Gasification Combined Cycle)
  • Orientador : MARCELO MODESTO DA SILVA
  • Data: 19/05/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • MAYARA MIRELA BALBINO DE SOUZA
  • Cultivo da Macaúba, Produção de Biodiesel e seu impacto na Segurança Alimentar e Nutricional
  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 13/06/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

12
  • ANA CAROLINA MEDINA JIMENEZ
  • Análise técnico econômica do processo de gaseificação de resíduo sólido urbano para a geração de energia elétrica
  • Orientador : REYNALDO PALACIOS BERECHE
  • Data: 29/06/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

13
  • CARLOS EDUARDO FREITAS DA SILVA
  • AVALIAÇÃO DO USO DA TRANSMISSÃO CONTINUAMENTE VARIÁVEL (CVT) EM GERADORES EÓLICOS DE MÉDIO PORTE LIGADOS A REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA
  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 29/06/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

14
  • RICARDO DRUDI
  • Metodologia para predição do poder calorífico de resíduos sólidos urbanos: uma abordagem com inteligência computacional
  • Orientador : GRAZIELLA COLATO ANTONIO
  • Data: 06/07/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

15
  • CAROLINE RODRIGUES DA SILVA
  • Análise de coastdown utilizando dados nominais de bombas de refrigeração de reatores PWR
  • Orientador : PEDRO CARAJILESCOV
  • Data: 15/07/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

16
  • MARCELO AUGUSTO GONÇALVES FONSECA
  • Classificação de projetos de eficiência energética no setor industrial
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 18/08/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

17
  • THIAGO AUGUSTO DOS SANTOS
  • Desenvolvimento de um código mono-canal para análise termo-hidráulica de reatores PWR
  • Orientador : JOSE RUBENS MAIORINO
  • Data: 19/08/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

18
  • SEBASTIÃO NEY VAZ JUNIOR
  • AVALIAÇÃO DOS MODELOS DE GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE SANTO ANDRÉ-SP E DA REGIÃO DA GRANDE PORTO-PT UTILIZANDO CONCEITOS DA ANÁLISE MULTICRITÉRIO
  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 26/08/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

19
  • ANDRESSA CALZA
  • Remediação Ambiental de Áreas Contaminadas por Derivados de Hidrocarbonetos no Estado de São Paulo: Estudo de Casos Sobre a Remoção do Benzeno
  • Orientador : HERLANDER DA MATA FERNANDES LIMA
  • Data: 31/08/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

20
21
  • CAROLINE APARECIDA DA SILVA
  • Caracterização da fração orgânica dos resíduos sólidos urbanos do aterro municipal de Santo André visando seu aproveitamento energético via biodigestão anaeróbia
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 30/09/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

22
  • PEDRO HENRIQUE SILVA RODRIGUES
  • ESTUDO DE DERRAMAMENTO DE ÓLEO UTILIZANDO O PROGRAMA MOHID
  • Orientador : JOSE RUBENS MAIORINO
  • Data: 30/09/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

23
  • NILTON ASAO FUKUSHIMA
  • Análise Energética da Integração de um Sistema de Concentração e Incineração de Vinhaça na Usina Sucroalcooleira
  • Data: 07/11/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

24
  • RAFAEL CAJANO DE OLIVEIRA
  • Sistema de Gestão Ambiental na Indústria do Petróleo: Estudo sobre as práticas de gestão na Refinaria Presidente Bernardes (RPBC)
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 07/11/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • VINICIUS PRADO SUPPIONI
  • Métodos de Compensação de Desequilíbrios de Tensão da Rede Elétrica com o uso de Geradores de Indução Duplamente Alimentados
  • Orientador : AHDA PIONKOSKI GRILO PAVANI
  • Data: 11/05/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • HELENO QUEVEDO DE LIMA
  • Determinação de parâmetros cinéticos do processo de digestão anaeróbia dos resíduos orgânicos de Santo André - SP por meio de testes do potencial bioquímico de metano

  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 30/05/2016

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

3
  • ATILIO BARBOSA LOURENÇO
  • Uma Abordagem Termoeconômica Sistemática para Modelagem de Ciclos Termodinâmicos
  • Orientador : SILVIA AZUCENA NEBRA DE PEREZ
  • Data: 13/07/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • MARIA FERNANDA CÔRTES BASTOS MAIA
  • Eficiência da aplicação do fosfogesso como isolante térmico industrial
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 13/07/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • JAVIER ALEXIS ANDRADE ROMERO
  • Projeto de sistema supervisório aplicado ao conversor matricial indireto em geração de energia elétrica baseada em microturbina
  • Orientador : MARAT RAFIKOV
  • Data: 12/08/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • VICTORIA ALEJANDRA SALAZAR HERRERA
  • Diagnóstico de Falhas e determinação de eficiência em Sistemas Geradores Isolados baseados em Gerador de Indução Auto-Excitado
  • Orientador : JESUS FRANKLIN ANDRADE ROMERO
  • Data: 12/08/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • DANIEL LADEIRA ALMEIDA
  • Gestão Pública e Privada nos Reservatórios Hidroelétricos Billings e Barra Bonita (SP) e os conflitos pelo uso da água
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 03/10/2016

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2015
Dissertações
1
  • CARMEN ELENA MARTINEZ RIASCOS
  • Avaliação da sustentabilidade de uma edificação pública: uma análise sob a perspectiva da eficiência energética
  • Orientador : JESUS FRANKLIN ANDRADE ROMERO
  • Data: 05/02/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • EDUARDO ANTONIO PINA
  • Desenvolvimento de um módulo computacional para integração energética em plantas sucroalcooleiras na plataforma EMSO
  • Orientador : MARCELO MODESTO DA SILVA
  • Data: 09/04/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • JAIR DIAZ BARBOSA
  • Metodologia para a determinação de índices de confiabilidade em subestações de energia elétrica com ênfase nos impactos sociais de uma falha
  • Orientador : RICARDO CANELOI DOS SANTOS
  • Data: 06/05/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • JOSÉ CARLOS MARTINEZ MELERO
  • O uso do led como alternativa de eficiência da iluminação pública no Município de Santo André.
  • Orientador : SERGIO HENRIQUE FERREIRA DE OLIVEIRA
  • Data: 07/05/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • CHARLES COUTO DE CAMARGO JUNIOR
  • Comparação entre os programas de eficiência energética brasileiros e norte-americanos
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 21/05/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • MARIA JOSÉ CHARFUELAN VILLARREAL
  • Modelos de regressão e decomposição para descrever o consumo residencial de energia eletrica no Brasil entre 1985 e 2013
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 29/05/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • ADRIANA CRISTINE AOKI
  • Desenvolvimento de módulos computacionais para sistemas de cogeração no setor sucroalcooleiro
  • Orientador : MARCELO MODESTO DA SILVA
  • Data: 09/06/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • GUILHERME HENRIQUE NORDI
  • Avaliação técnico-econômica de usinas WTE (Waste-to-Energy) baseadas em ciclos de potência a vapor
  • Orientador : REYNALDO PALACIOS BERECHE
  • Data: 11/06/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • RONALDO PEREIRA BARACCO
  • Análise Técnica e Financeira de Usina Híbrida Eólica-Fotovoltaica
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 24/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • JÚLIA MARIA DE OLIVEIRA CAMARGO
  • Efeito das condições de processamento nas propriedades de briquetes produzidos com bagaço e resíduo de limpeza a seco da cana-de-açúcar
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 06/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • DELANO MENDES DE SANTANA
  • Eficiência energética no acionamento de equipamentos de uma indústria petroquímica: modelagem multicritério de apoio a decisão utilizando MILP
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 13/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

12
  • JULIAN ALBERTO MARIN AGUDELO
  • Avaliação de uma proposta de retrofit baseada em indicadores sustentáveis utilizados nas metodologias AQUA e LEED: O caso do Bloco de pós-graduação da Universidade Federal do ABC
  • Orientador : IGOR FUSER
  • Data: 27/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

13
  • NILTON TERNG
  • Desenvolvimento e validação de uma rede neural para análise de fluxo crítico de calor em reatores nucleares do tipo PWR
  • Orientador : PEDRO CARAJILESCOV
  • Data: 13/10/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

14
  • JUAN ÁLVARO LEÓN MARULANDA
  • Análise do desempenho de membranas de pervaporação no processo convencional de fermentação para produção de etanol
  • Orientador : REYNALDO PALACIOS BERECHE
  • Data: 27/10/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

15
  • CHANG CHUNG WEI
  • Eficiência energética em uma indústria química: análise de projeto de investimento
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 04/11/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

16
  • ARY BRANCO ADURENS JÚNIOR
  • Estabelecimento do Ranking de Empresas Integradas de Óleo e Gás quanto às Emissões Atmosféricas utilizando Modelagem de Apoio à Decisão Multicritério
  • Orientador : DOUGLAS ALVES CASSIANO
  • Data: 27/11/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

17
  • MAYRA ALEJANDRA SÁNCHEZ CORTÉS
  • Avaliação de risco e impacto do transporte de combustíveis por dutos na área da represa Billings
  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 30/11/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

18
  • JOÃO MARCOS BRITO DA SILVA
  • Abordagem Dinâmica e Hidroenergética como Alternativa de Recomposição de Carga a partir da Usina Hidroelétrica Henry Borden
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 17/12/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • ALBEMERC MOURA DE MORAES
  • A difusão do acesso à água com sistemas fotovoltaicos de bombeamento no semiárido brasileiro
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 02/02/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • JULYANA PEREIRA SIMAS BASSAKIN
  • Energia e Políticas Públicas: Análise das convergências e divergências entre o Plano Amazônia Sustentável e o Plano Nacional de Energia 2030 - Estudo de caso do dendê na Amazônia
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 29/05/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • GRACIELI SARTÓRIO CARDOSO DE LIMA
  • Avaliação de locais com potencial para a implantação de geração distribuída sob a perspectiva do desenvolvimento sustentável
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 14/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • ALEX PAUBEL JUNGER
  • Aspectos sócio ambientais da usina hidrelétrica de Itaipu
  • Orientador : JESUS FRANKLIN ANDRADE ROMERO
  • Data: 25/09/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • ELISSANDO ROCHA DA SILVA
  • Estimativa do Potencial Energético dos Resíduos Sólidos Urbanos por Diferentes Rotas de Tratamento
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 09/12/2015

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2014
Dissertações
1
  • ISIS DOS ANJOS SILVA
  • Produção de biogás em sistemas de produção de leite de bovinos, com e sem separação de sólidos nos substratos
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 13/03/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • MARCELO COELHO DE SOUZA
  • Impactos do uso da tecnologia solar fotovoltaica na educação rural
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 26/03/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • PATRICIA VELOSO FRANCISCO
  • Etanol de segunda geração: um estudo sobre os investimentos em pesquisa e desenvolvimento desta tecnologia
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 28/04/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • ADRIANA KEIKO NISHIDA COSTA
  • Jogos educacionais sobre consumo de energia elétrica: análise sob a perspectiva de Educação Ambiental Crítica
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 06/06/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • EDGAR FERNANDO CORTES RODRIGUEZ
  • Determinação de eficiência de caldeiras de bagaço de cana-de-açúcar: Identificação de oportunidades de melhoramento.
  • Data: 26/06/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • AMANDA DENISSE LEÓN NIÑO
  • Caracterização da biomassa residual da cana-de-açúcar visando seu aproveitamento energético
  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 07/08/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • RAFAEL AUGUSTO SOTANA DE SOUZA
  • Avaliação do dispêndio energético das etapas de produção e processamento da biomassa de Nannochloropsis gaditana para a produção de biodiesel
  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 08/08/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • DIANA MARITZA SEGURA ANGEL
  • Estudo comparativo entre sistemas de iluminação LED e lâmpadas Fluorescentes Compactas para uso em sistemas de geração fotovoltaica
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 11/08/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • VITOR DA SILVA ROSA
  • Análise da transferência de calor por convecção em tanques com impulsores mecânicos equipados com chicanas verticais tubulares
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 21/08/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • PEDRO ADOLFO GALANI
  • Estudo da influência da taxa de falhas e downtime na energia anual produzida em turbinas eólicas de eixo horizontal
  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 27/11/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • CLÁUDIO EVALDO DE SOUSA JÚNIOR
  • Sistemas Fotovoltaicos na Região Norte: estudo de caso cidade de Tefé, AM

  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 28/11/2014

  • Mostrar Resumo
  • Não informado


  • Mostrar Abstract
  • Não informado

12
  • DANIELLE EVANGELISTA VITALINO CARDOSO
  • Avaliação do potencial energético da biomassa de Chlorella minutissima cultivada em condição autotrófica e mixotrófica
  • Orientador : ANA MARIA PEREIRA NETO
  • Data: 05/12/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • BARBARA PEREZ GONÇALVES SILVA
  • Síntese e caracterização de filmes finos a base de imidas aromáticas
  • Orientador : SERGIO BROCHSZTAIN
  • Data: 10/02/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • LUCÉLIA IVONETE JULIANI
  • Fatores de impulso na economia brasileira: O caso do Pré-Sal e a Indústria do Petróleo
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 22/07/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • JACYRO GRAMULIA JUNIOR
  • Uma abordagem baseada em algoritmos genéticos para o gerenciamento e controle de transferência não natural de água entre rios em contribuição ao planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 10/10/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • MAX LEANDRO DE ARAÚJO BRITO
  • Biocombustíveis em mídias sociais: uma análise do primeiro triênio do Plano Paulista de Energia - PPE 2020
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 13/10/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • ANNA CAROLINA PIRES FOURNIER
  • Luz na Favela: A complexidade no processo de regularização da energia elétrica na favela Bougival, em Santo André - SP
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 08/12/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • GILSA ROJAS BARRETO
  • Uma abordagem sociológica da inovação - energias renováveis e sustentabilidade: análise comparada de Brasil e China
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 08/12/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • FÁBIO RUBENS SOARES
  • Avaliação ambiental e econômica comparativa de alternativas tecnológicas de tratamento e disposição de Resíduos Sólidos Urbanos com reaproveitamento energético por meio da Avaliação de Ciclo de Vida
  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 09/12/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • DANIEL DE ANDRADE MOURA
  • A abordagem da energia na Educação não formal: um estudo de caso em museus de ciência
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 18/12/2014

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2013
Dissertações
1
  • WALTER EVALDO KUCHENBECKER
  • Proposta de métodos para ensaios em máquinas síncronas a ímãs permanentes destinadas à geração eólica
  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 24/01/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • GUILHERME SOLCI MADEIRA
  • Análise do uso de sistemas de aquecimento solar de água em habitações de interesse socal - Estudo de caso: Conjunto Habitacional Pindamonhangaba "F" - SP
  • Orientador : FRANCISCO DE ASSIS COMARU
  • Data: 05/02/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • VICTOR LUIZ MERLIN
  • Utilização de um algoritmo baseado em redes neurais artificiais para detecção de ilhamento de sistemas de geração distribuída
  • Orientador : RICARDO CANELOI DOS SANTOS
  • Data: 07/02/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • CLÉSIO LIRANCIO LANDINI JUNIOR
  • Análise técnico-econômica e avaliação dos riscos financeiros para a introdução de microturbinas a gás natural no setor industrial: um estudo de caso no segmento de alimentos e bebidas.
  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 06/03/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • ANDREZA ALVES DA SILVA
  • Potencial de conservação de energia na indústria cimenteira no Brasil
  • Orientador : PAULO HENRIQUE DE MELLO SANT ANA
  • Data: 08/03/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • HAROLDO LUIZ NOGUEIRA DA SILVA
  • Benchmarking de consumo energético em edifícios comerciais multiusuário de alto padrão na região metropolitana de São Paulo
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 02/07/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • VALTER LIBRAIS JUNIOR
  • Análise da expansão da malha de gasoduto de transporte do estado de São Paulo pelo método AHP
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 22/07/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • BRUNO CAVALCANTE DE SOUZA SANCHES
  • Redução de picos de demanda em redes inteligentes utilizando algoritmos genéticos
  • Orientador : IVAN ROBERTO SANTANA CASELLA
  • Data: 31/07/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • NATÁLIA CAETANO DA SILVA
  • Os movimentos sociais na era Lula: para além da autonomia e da cooptação. Uma análise do movimento de atingidos por barragens
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 01/08/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • ALEX SOTO DA SILVA
  • Desenvolvimento de um protótipo baseado em redes neurais artificiais para o monitoramento remoto de tensão
  • Orientador : RICARDO CANELOI DOS SANTOS
  • Data: 28/11/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • SÉRGIO EDUARDO PALMIERE
  • Integração da eficiência energética e prevenção de incêndios em Greenbuildings localizados na cidade de São Paulo
  • Orientador : LUIS ALBERTO MARTINEZ RIASCOS
  • Data: 12/12/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • FABIANE DE JESUS TRINDADE
  • Preparação de sílicas mesoporosas nanoestruturadas modificadas com imidas aromáticas para aplicações em fotônica e eletrônica
  • Orientador : SERGIO BROCHSZTAIN
  • Data: 10/07/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • LUIZ ANTONIO MORTAIO
  • Metodologia para controle dinâmico híbrido em prensas mecânicas.
  • Orientador : LUIS ALBERTO MARTINEZ RIASCOS
  • Data: 21/10/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • DILSON BATISTA FERREIRA
  • Conforto ambiental e eficiência energética na reforma da escola pública - estudo de caso em Maceió (AL)
  • Orientador : RICARDO DE SOUSA MORETTI
  • Data: 29/10/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • PRISCILLA MELLEIRO PIAGENTINI
  • A hidreletricidade e o processo de licenciamento ambiental no Brasil: interesses, interpretações e trajetórias
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 05/12/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • JEAN CARLOS SILVEIRA
  • Modelagem matemática e otimização do controle biológico de pragas para a produção sustentável de Etanol de cana-de-açúcar
  • Orientador : MARAT RAFIKOV
  • Data: 11/12/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • LOUISE NAKAGAWA
  • A arquitetura da governança privada e a dinâmica das roundtables globais sobre a produção de insumos para biocombustíveis
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 13/12/2013

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2012
Dissertações
1
  • THIAGO VOLTATONI
  • Emprego de ciclodextrinas na recuperação avançada de petróleo.
  • Orientador : SERGIO BROCHSZTAIN
  • Data: 13/02/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • JOÃO BATISTA ALVAREZ MENDES
  • Um trem chamado Pré-sal e o vagão do Grande ABC
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 28/02/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • GABRIEL HENRIQUE KLEBIS FREITAS
  • Eletrificação e mudanças socio-culturais: um estudo sobre a implantação do programa "Luz para Todos" na aldeia guarani Urui-ty"
  • Orientador : ANA KEILA MOSCA PINEZI
  • Data: 12/04/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • CLAUDEMIR DUCA VASCONCELOS
  • Análise da malha nacional de gasodutos com vistas à viabilidade de implantação do Plano Decenal de Energia.
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 04/05/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • MIGUEL ANGELO RECIO CALVO
  • Eficiência energética no setor produtivo em uma indústria de injeção de plásticos
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 04/05/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • ADENILTON PAVAN
  • O pré-sal e a política econômica dos fundos soberanos
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 31/05/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • MARIA FERNANDA CÔRTES BASTOS MAIA
  • Estudo dos efeitos do uso de isolamento térmico em trocadores de calor a placas.
  • Orientador : ERICH KELLNER
  • Data: 15/06/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • PAULO GUILHERME SEIFER
  • Gestão de projetos de microssistemas de geração e distribuição de energia elétrica: procurando seu sucesso e sutentabilidade
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 31/08/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • THIAGO RIBEIRO DE ALENCAR
  • Sistema de suporte a decisão baseado em algoritmos genéticos para a otimização do planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos de potência
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 28/09/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • SIDNEY MASSAMI KOTO
  • Fluxo de carga para redes de distribuição de energia elétrica considerando a presença de aerogeradores
  • Orientador : CLAUDIONOR FRANCISCO DO NASCIMENTO
  • Data: 27/11/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • ALAN NASCIMENTO
  • Análise do uso da tecnologia LED na iluminação pública: estudo das perspectivas de aplicação na cidade de São Paulo
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 05/12/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

12
  • CLAUDIO XAVIER MENDES DOS SANTOS
  • Avaliação de propostas para o aumento na geração de eletricidade em sistemas de cogeração de destilarias autônomas de etanol através de análise termoeconômica
  • Orientador : MARCELO MODESTO DA SILVA
  • Data: 14/12/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • ALEXANDRE COSME JOSÉ JERONYMO
  • Expansão do Estado capitalista no contexto da política de universalização do acesso e uso da energia elétrica
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 31/01/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • PATRÍCIA ZANDONADE
  • Mobilidade urbana e utilização energética. Estudo dos padrões das metrópoles de São Paulo e Paris
  • Orientador : RICARDO DE SOUSA MORETTI
  • Data: 07/05/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • YUMI KAWAMURA GONÇALVES
  • Por que é difícil criar mercados sustentáveis? A construção social do mercado brasileiro de biodiesel
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 25/06/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • JANE MARCHI MADUREIRA RACHED
  • Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel: convergência ou divergência de açoes?
  • Data: 14/09/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • ANTONIO CARLOS GRACIAS
  • Um estudo da aplicação de modelos matemáticos à produção e importação de gás natural e petróleo no Brasil
  • Orientador : MARAT RAFIKOV
  • Data: 08/11/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • NATHALIA MACHADO SIMÃO
  • Sustentabilidade: Contribuição para a dimensão social nos projetos de biogás de aterro sanitário do mecanismo de desenvolvimento limpo do Protocolo de Kyoto
  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 03/12/2012

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2011
Dissertações
1
  • CLOVIS RUEDA
  • Melhoria na capacidade de produção de prensas mecânicas excêntricas existentes na indústria brasileira.
  • Orientador : LUIS ALBERTO MARTINEZ RIASCOS
  • Data: 22/02/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • EMERSON LUIZ VILANOVA DOMANSKI
  • Eficiência energética aplicada aos processos produtivos em uma indústria química.
  • Orientador : SERGIO RICARDO LOURENCO
  • Data: 10/03/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • LEANDRO OLIVEIRA SALVIANO
  • Simulação do acoplamento de uma unidade de refrigeração por absorção (H2O-NH3) ao sistema de resfriamento de um motor diesel turbo.
  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 14/03/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • FÁBIO ANTUNES
  • Algoritmo de sistema de formigas aplicado ao Planejamento da Operação de Sistemas Hidrotérmicos de Potência.
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 24/03/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • MARISA ZEFERINO BARBOSA
  • Trajetória do biodiesel de soja: Questões ambientais, disponibilidade alimentar e constrangimentos ao PNPB.
  • Orientador : DARLENE RAMOS DIAS
  • Data: 28/03/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • HELENO QUEVEDO DE LIMA
  • Avaliação dos modelos Hashimoto e MAS-III.D para produção de metano com dejetps de suínos.
  • Orientador : JULIANA TOFANO DE CAMPOS LEITE TONELI
  • Data: 27/04/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • VINICIUS PRADO SUPPIONI
  • Análise dos níveis de flicker na integração de geradores eólicos de velocidade fixa em redes de distribuição de energia elétrica utilizando modelos multidisciplinares
  • Orientador : AHDA PIONKOSKI GRILO PAVANI
  • Data: 29/04/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • GUSTAVO ATILA DE CARVALHO
  • Estudo temporal da estratificação no reservatório da Usina Hidrelétrica de Itaipu e suas influências nos drenos de fundação da barragem de concreto (estudo de longo período).
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 03/05/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • JULIANE TAISE PIOVANI
  • Dimensionamento de um umidificador para células a combustível em aplicações móveis
  • Orientador : LUIS ALBERTO MARTINEZ RIASCOS
  • Data: 31/05/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • VICTORIA ALEJANDRA SALAZAR HERRERA
  • Diagnóstico de falhas e avaliação da eficiência do gerador de indução auto-excitado em sistemas de microgeração.
  • Orientador : JESUS FRANKLIN ANDRADE ROMERO
  • Data: 01/06/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
12
  • ELAINE CRISTINA SILVA DOS SANTOS
  • Una cosa es con guitarra, outra con violín: Dilemas acerca da exploração petrolífera no Equador e sua nova Constituição.
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 30/06/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

13
  • ELLEN TALITA SARTÓRIO CARDOSO
  • Avaliação do Grau de trofia e da qualidade da água em um braço do reservatório de Itaipu - Brasil
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 11/07/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

14
  • NATÁLIA PEREIRA DE MORAES
  • Estudo de implantação de células a combustível em sistemas híbridos para a produção de energia elétrica.
  • Orientador : SERGIO HENRIQUE FERREIRA DE OLIVEIRA
  • Data: 15/07/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

15
  • CRISTIANE BRITO ANDRADE
  • Qualidade do fornecimento de energia elétrica em sistemas isolados segundo os parâmetros de continuidade DIC.
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 29/07/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

16
  • SAIONARA VILHEGAS COSTA
  • Construção de células solares sensiblizadas por corante a partir de nanoestruturas de ZnO obtidas por método hitrotermal.
  • Orientador : JORGE TOMIOKA
  • Data: 01/08/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

17
  • EDSON FERNANDO ESCAMES
  • Usina Parque: Aproveitamento e valorização do patrimônio energético, ambiental e histórico da Usinas hidrelétrica Henry Borden.
  • Orientador : RICARDO DE SOUSA MORETTI
  • Data: 04/08/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

18
  • JAVIER ALEXIS ANDRADE ROMERO
  • Controle e avaliação do conversor matricial de duas etapas em Sistemas de Microgeração.
  • Orientador : MARAT RAFIKOV
  • Data: 05/09/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

19
  • SILENE MARIA DE FREITAS
  • Selo combustível social: Os (Des)caminhos da inclusão da agricultura familiar em um mercado energético.
  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 28/11/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

20
  • BRUNO GALLINARO
  • Avaliação do tempo de construção de usinas nucleares.
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 20/12/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

Teses
1
  • GIOVANO CANDIANI
  • Estudo da geração de metano em uma célula de Aterro Sanitário.
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 15/09/2011

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2010
Dissertações
1
  • IVALDETE DA SILVA DUPIM
  • Hidretação do zircaloy-4 para a obtenção de pó de Zr
  • Orientador : CARLOS HENRIQUE SCURACCHIO
  • Data: 01/03/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • ELISSANDO ROCHA DA SILVA
  • Modelagem matemática da produção e transporte de biogás em aterros sanitários.
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 04/03/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • RENATA BRANCO SANTORO
  • Conservação de energia em asssentamentos humanos pela utilização da permacultura: um estudo no Instituto de Permacultura e Ecovila da Mata Atlântica.
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 16/04/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • CARLA DE ALMEIDA ROIG
  • Jogatina geopolítica: O papel da energia no processo de integração regional - da experiência européia ao desafio Sul Americano.
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 11/05/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • FELIPE RIBEIRO
  • Estudo da aplicação de transmissão continuamente variável (CVT) em geradores eólicos de médio porte.
  • Orientador : JULIO CARLOS TEIXEIRA
  • Data: 17/05/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • JOAO FABIO DINIZ
  • Socioeconomia do mercado de biodiesel no Brasil: Os desafios da inclusão.
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 28/05/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • RAFAEL DIEGO DE SERRÃO MORALEZ
  • Energia, Desenvolvimento e sustentabilidade - Elementos para uma crítica do paradigma mecanicista
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 28/05/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • RENATO BRITO QUAGLIA
  • Incentivo à geração distribuída com sistemas fotovoltaicos: Cenários para o setor elétrico brasileiro
  • Orientador : SERGIO HENRIQUE FERREIRA DE OLIVEIRA
  • Data: 26/06/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • MARCOS DE ARAÚJO CESARETTI
  • Análise comparativa entre fontes de geração elétrica segundo critérios socioambientais e econômicos.
  • Orientador : JOAO MANOEL LOSADA MOREIRA
  • Data: 20/09/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • MARIANA PEDROSA GONZALEZ
  • O mito do alto custo. Uma comparação entre a energia solar fotovoltaica e a energia nuclear.
  • Orientador : SERGIO HENRIQUE FERREIRA DE OLIVEIRA
  • Data: 15/10/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
  • MARCIO LUIZ PERIN
  • Simulação do desempenho energético e da demanda de área em agrossitemas integrados à suinocultura
  • Orientador : GILBERTO MARTINS
  • Data: 19/10/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

12
  • RENATA MARTINS
  • Biodiesel de pinhão-manso? Os instrumentos brasileiros de apoio à inovação tecnológica para os biocombustíveis.
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 22/10/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

13
  • ELIZABETH DE HOLANDA LIMEIRA
  • Modelagem matemática aplicada ao controle da praga da cana-de-açucar para a produção de etanol: estratégias ótimas de controle.
  • Orientador : MARAT RAFIKOV
  • Data: 03/11/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

14
  • JULYANA PEREIRA SIMAS BASSAKIN
  • Biocombustíveis e produção de alimentos: uma análise das controvérsias científicas e sociais.
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 22/11/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

15
  • DANIEL LADEIRA ALMEIDA
  • Os passivos ambientais no reservatório Billings e os seus impactos na geração hidroenergética da usina Henry Borden
  • Orientador : ERICH KELLNER
  • Data: 16/12/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

16
  • JOCYLAINE NUNES MACIEL
  • Assembléias fitoplanctônicas como ferramenta de avaliação de qualidade da água em um braço do reservatório da UHE Itaipu Binacional - Estudo de longo período
  • Orientador : ROSELI FREDERIGI BENASSI
  • Data: 17/12/2010

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2009
Dissertações
1
  • FABIANO IONTA ANDRADE SILVA
  • Análise da evolução dos indicadores de intensidade energética do gênero Química do Brasil - 1996 a 2005
  • Data: 24/06/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

2
  • ANNA CAROLINA PIRES FOURNIER
  • Energia elétrica no setor residencial à luz do consumo consciente: município de Santo André, um estudo de caso
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 08/07/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

3
  • LOUISE NAKAGAWA
  • Estudo dos efeitos na qualidade do ar e na saúde humana do funcionamento de usinas termoelétricas em regiões intensamente urnabizadas: o caso da UTE Piratininga - SP
  • Orientador : FRANCISCO DE ASSIS COMARU
  • Data: 31/07/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

4
  • CAROLINA SIMÕES GALVANESE
  • Dilemas do planejamento e as instituições do desenvolvimento sustentável Estudo sobre as barragens e a questão regional no Vale do Ribeira
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 06/08/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

5
  • DANIEL DE ANDRADE MOURA
  • A abordagem da Temática Energética no Ensino Médio
  • Orientador : CLAUDIO LUIS DE CAMARGO PENTEADO
  • Data: 11/08/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

6
  • CLARISSA MAGALHÃES
  • As instituições aprendem? As hidrelétricas do Rio Madeira e a internalização das variáveis social e ambiental na gestão dos recursos naturais
  • Orientador : ARILSON DA SILVA FAVARETO
  • Data: 12/08/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

7
  • LUDMILA LOPES BORGES DE CASTRO
  • Alcances e vunerabilidades da avaliação de impactos ambientais no setor sucroenergéticos paulista
  • Orientador : RICARDO DE SOUSA MORETTI
  • Data: 27/08/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

8
  • MAURO MACHADO DE OLIVEIRA
  • Tarifação Energética residencial, privatização do setor e impacto social no período de 1995 a 2005
  • Orientador : SINCLAIR MALLET GUY GUERRA
  • Data: 31/08/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

9
  • JACYRO GRAMULIA JUNIOR
  • Contribuição da Usina Hidroelétrica de Henry Borden para o planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos de potência.
  • Orientador : PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
  • Data: 16/10/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

10
  • ISAQUE DA SILVA ALMEIDA
  • Utilização de FPGA para Implementar uma Proteção Diferencial Baseada em RNA.
  • Orientador : RICARDO CANELOI DOS SANTOS
  • Data: 09/11/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

11
12
  • ALBEMERC MOURA DE MORAES
  • Aplicações da tecnologia solar fotovoltaica no Estado do Piauí: barreiras e potencialidades
  • Orientador : FEDERICO BERNARDINO MORANTE TRIGOSO
  • Data: 15/12/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

13
  • BELISA ATHAYDE POLASSE
  • "O futuro aqui é a cana!": Análise do discurso de agentes de produção do setor sucroalcooleiro da região de Ribeirão Preto
  • Data: 15/12/2009

  • Mostrar Resumo
  • nihil


  • Mostrar Abstract
  • nihil

SIGAA | UFABC - Núcleo de Tecnologia da Informação - ||||| | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa-2.ufabc.int.br.sigaa-2