PPGEEL PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Telefone/Ramal: Não informado http://propg.ufabc.edu.br/ppgeel

Banca de DEFESA: RICARDO SOTERO DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RICARDO SOTERO DA SILVA
DATA : 05/12/2019
HORA: 13:00
LOCAL: Auditório, 8º andar, Bloco B, Campus SA da Fundação Universidade Federal do ABC, localizada na Avenida dos Estados, 5001, Santa Terezinha, Santo André, SP
TÍTULO:

APLICAÇÃO DE REDES NEURAIS ARTIFICIAS NA DETECÇÃO DE FERRORRESSONÂNCIA EM TRANSFORMADORES DE POTENCIAL INDUTIVOS


PÁGINAS: 90
RESUMO:

O fenômeno da Ferrorressonância é um efeito oscilatório que ocorre quando a indutância não linear de um Transformador de Potencial Indutivo (TPI) está conectada em série com circuitos que apresentem capacitâncias equivalentes, tais como: linhas aéreas, circuitos subterrâneos, cargas capacitivas e capacitâncias mútuas presentes em determinados arranjos de sistemas elétricos de potência (SEP). Devido a não linearidade do núcleo magnético do TPI, este, quando conectado a redes com determinadas capacitâncias, ficam sujeitos a diferentes comportamentos e perturbações, provocados por manobras ou faltas no SEP. Tal condição é denominada de ferrorressonância. Considerando as características dinâmicas desta perturbação não linear, a resposta ferrorressonante pode manifestar-se de maneiras diferentes, como oscilações periódicas na frequência fundamental do sistema de potência (modo fundamental) ou em valores submúltiplos da frequência fundamental (modo sub harmônico), entre outros. A precisa detecção do efeito da ferrorressonância pode impedir danos aos equipamentos e também evitar perdas de receita para as concessionárias. Desta forma, esta pesquisa apresenta um método baseado em Redes Neurais Artificiais (RNAs) para detectar o efeito da ferrorressonância. O algoritmo proposto para detectar o efeito de ferrorressonância utiliza amostras da tensão secundária do TPI para decidir se há um evento ferrorressonante ou não. Além da discussão sobre o desenvolvimento e testes do algoritmo proposto, esse trabalho também discute e analisa diferentes cenários que podem gerar a ferrorressonância, utilizando os softwares ATP e PSCAD para simular os casos estudados.   


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - Interno ao Programa - 1545354 - RICARDO CANELOI DOS SANTOS
Membro Titular - Examinador(a) Externo ao Programa - 2328639 - ADEMIR PELIZARI
Membro Titular - Examinador(a) Externo à Instituição - CLAUDIONOR FRANCISCO DO NASCIMENTO - UFSCAR
Membro Suplente - Examinador(a) Externo ao Programa - 1544363 - ALFREDO DEL SOLE LORDELO
Membro Suplente - Examinador(a) Externo ao Programa - 1544340 - PATRICIA TEIXEIRA LEITE ASANO
Notícia cadastrada em: 08/11/2019 17:38
SIGAA | UFABC - Núcleo de Tecnologia da Informação - ||||| | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa-2.ufabc.int.br.sigaa-2