PPGCEM PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA E ENGENHARIA DE MATERIAIS FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Telefone/Ramal: Não informado http://propg.ufabc.edu.br/ppgcem

Banca de DEFESA: JOÃO GABRIEL FRANCESCHINELI RIZZI

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOÃO GABRIEL FRANCESCHINELI RIZZI
DATA : 23/09/2021
HORA: 19:00
LOCAL: por participação remota
TÍTULO:

Impacto das condições de processamento nas interações entre sílica e SBR funcionalizados


PÁGINAS: 90
RESUMO:

O uso de sílica como carga de reforço em compostos de borracha vem crescendo na indústria de pneus graças às propriedades de baixa histerese alcançadas, que são cada vez mais importantes para a redução do consumo de combustíveis dos veículos. Apesar disso, o caracter polar da sílica leva a baixa interação com a matriz polimérica, o que impõe um desafio para o seu uso. Polímeros modificados com grupos químicos para melhor interação com a sílica vêm sendo utilizados na fabricação dos compostos, porém poucos estudos sobre o impacto das condições de processamento na interação entre esses polímeros funcionalizados e a sílica foram realizados. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a influência de diferentes condições de processamento em compostos de borracha de estireno butadieno (SBR) e sílica. Para isso foram selecionados três SBRs funcionalizados e sílica disponíveis comercialmente, comumente utilizados na fabricação de pneus. Os polímeros foram caracterizados por meio de 1H RMN para identificação dos grupos funcionais, porém a quantificação não foi possível dado a baixa concentração. Os materiais foram processados a temperaturas de 110, 130 e 150 ºC e os compostos obtidos foram caracterizados por meio de RMN no Estado Sólido, varreduras de temperatura, frequência e deformação, tração de anel, dureza e flexão Goodrich. Os resultados indicaram uma pequena influência das temperaturas de processamento sobre os compostos após a primeira fase de mistura. Porém, após as etapas subsequentes de processamento, adição dos demais ingredientes e silanização, os efeitos são mascarados e após a quarta fase de mistura já não é encontrada uma diferença significativa de comportamento preparados nas diferentes condições de processamento. Os ensaios mecânicos de tração de anel, dureza e flexão não indicaram nenhuma diferença para as diferentes temperaturas de mistura. A ressonância magnética nuclear no domínio do tempo mostrou que a nível molecular é possível observar uma maior interação polímero-carga para as maiores temperaturas de processamento.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - Interno ao Programa - 2347767 - MATHILDE JULIENNE GISELE CHAMPEAU FERREIRA
Membro Titular - Examinador(a) Interno ao Programa - 1761120 - DANILO JUSTINO CARASTAN
Membro Titular - Examinador(a) Externo à Instituição - Felipe Nunes Linhares
Membro Suplente - Examinador(a) Interno ao Programa - 1730526 - SUEL ERIC VIDOTTI
Membro Suplente - Examinador(a) Externo à Instituição - GUILHERME MARIZ DE OLIVEIRA BARRA - UFSC
Notícia cadastrada em: 10/09/2021 15:07
SIGAA | UFABC - Núcleo de Tecnologia da Informação - ||||| | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa-2.ufabc.int.br.sigaa-2-prod