PPGCCM PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Telefone/Ramal: Não informado http://propg.ufabc.edu.br/ppgccm

Banca de QUALIFICAÇÃO: MAURÍCIO PEREIRA LUTI

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MAURÍCIO PEREIRA LUTI
DATA : 04/09/2019
HORA: 14:30
LOCAL: sala 304, 3º andar, Bloco B, Campus SA
TÍTULO:

Proposta de um protocolo para melhoria da mobilidade de deficientes visuais em sistemas de transporte públicos


PÁGINAS: 50
RESUMO:

O crescimento populacional das grandes cidades do mundo tem sido extremamente acentuado ao longo dos anos e segundo relatórios das Nações Unidas a previsão é que continue em franca ascensão. Com o objetivo de atender às necessidades do crescimento dessa população,  surge o conceito de Cidades Inteligentes, que se define como o uso da tecnologia para melhorar a infraestrutura urbana e prover uma melhor qualidade de vida da população. Nesse cenário, a mobilidade urbana será o tema abordado neste trabalho, mais especificamente, a mobilidade urbana dos deficientes visuais. O presente trabalho tem por objetivo propor um protocolo de auxílio à locomoção de pessoas com deficiência visual em ambientes públicos de transporte, tais como estações de metrô, estações de trem, terminais de ônibus, etc., através de utilização de tecnologia celular (Smartphones). A proposta é prover informações de localização aos usuários do serviço através de um programa aplicativo instalado em um Smartphonepara que os funcionários dos ambientes públicos de transporte consigam localizar os usuários deficientes visuais mesmo que estes estejam fora da estação e auxiliá-los em sua locomoção dentro do transporte público. Como estudo de caso deste trabalho será escolhida a estação de metro.

A metodologia utilizada no trabalho será a pesquisa experimental e o protocolo proposto será baseado em cálculo dinâmico das distâncias físicas entre os usuários deficientes visuais e os pontos de acessos às estações através de coordenadas de geolocalização, fornecidas pelo GPS dos Smartphone’s dos usuários.  Um servidor central, conectado a Internet, ficará encarregado de gerenciar a comunicação entre os aplicativos instalados nos Smartphones, além de enviar ao setor operacional de cada estação de Metrô as notificações de solicitação de auxílio aos usuários deficientes visuais. Com os resultados desse trabalho espera-se gerar melhorias na autonomia dos deficientes visuais em termos de mobilidade nos transportes públicos através do uso de tecnologia  e conseqüentemente contribuir com a expansão e desenvolvimento do conceito de Cidades Inteligentes.       


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - Interno ao Programa - 1545858 - ITANA STIUBIENER
Membro Titular - Examinador(a) Interno ao Programa - 2196309 - CARLOS ALBERTO KAMIENSKI
Membro Titular - Examinador(a) Externo ao Programa - 1760938 - DANIEL MORGATO MARTIN
Membro Suplente - Examinador(a) Interno ao Programa - 1763436 - JULIANA CRISTINA BRAGA
Notícia cadastrada em: 08/08/2019 17:42
SIGAA | UFABC - Núcleo de Tecnologia da Informação - ||||| | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa-2.sigaa-2