PPGCCM PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Telefone/Ramal: Não informado http://propg.ufabc.edu.br/ppgccm

Banca de DEFESA: PABLO LUIZ LEON

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PABLO LUIZ LEON
DATA : 09/12/2021
HORA: 09:30
LOCAL: Google Meet
TÍTULO:

Uma metodologia de modernização de sistemas para apoiar a transformação digital: Um estudo de caso no setor financeiro no Sul Global


PÁGINAS: 161
RESUMO:

Contexto: Sistemas são construídos com base em uma arquitetura o qual indica a sua estrutura de elementos e componentes, internos e externos, bem como seus relacionamentos. Além disso, a arquitetura do sistema também define princípios e regras para apoiar o processo de evolução do sistema como um todo.
Contudo, as arquiteturas de sistemas não evoluem no mesmo ritmo das tecnologias mais modernas o que traz dificuldades para se integra-las com sistemas mais novos, resultando em uma complexidade para a sua evolução. Este desafio torna-se mais evidente diante dos recentes processos de transformação digital das organizações onde os sistemas como tecnologias de informação e comunicação tornam-se meios para a entrega de produtos e serviços mais eficientes. Problema: A transformação digital demanda das empresas mais integrações entre produtos e serviços, mais canais de utilização de acesso aos produtos e serviços e principalmente mais agilidade para disponibilização de produtos e serviços e os departamentos de TI, precisam entregar mais funcionalidades em um menor período de tempo. Para tal, os esforços de tecnologia tem sido em buscar meios de efetuar alterações especificas em sistemas sem comprometer toda a plataforma, testar somente o for necessário testar, diminuir a complexidade das alterações de sistemas, diminuir a complexidade dos testes e entregar sistemas com capacidade de atender a grandes volumes de acesso. Para tais objetivos sistemas monolíticos trazem um grande problema de complexidade para os departamentos de TI, que acabam pela necessidade de modernizar e evoluir esses sistemas com arquiteturas modernas capazes de atender essas necessidades. Objetivo: Dessa forma, o objetivo principal desta dissertação de mestrado é apresentar uma metodologia capaz de modernizar sistemas monolíticos em arquiteturas modernas e com convivência com sistema monolítico e um estudo de caso de uma empresa do setor financeiro no brasil. A arquitetura e metodologia apresentada, permite a modernização de sistema de forma gradativa de acordo com a agenda de prioridades de negócio. Métodos: Um mapeamento sistemático da literatura foi realizado com vistas a analisar a literatura existente que trata a modernização de sistemas com o propósito de caracterizar o estado da arte atual em relação a trabalhos existentes na área de Engenharia de software e arquitetura de sistemas. Através da teoria da prática um estudo de caso real do setor financeiro no brasil foi analisado com um processo de modernização, onde leva em consideração a modernização de sistemas de acordo com a agenda de prioridades do negócio, efetuando então essa modernização através de recortes de funcionalidades do sistema monolítico e criando integração entre sistemas modernos e sistema monolítico. Uma entrevista qualitativa foi feita, para extrair a aderência, coerência e eficiência da metodologia junto aos profissionais de tecnologia da empresa. Resultados: Os resultados da aplicação pesquisa qualitativa em uma equipe real que utiliza a metodologia, mostra que embora o processo é coerente e aderente as empresas que precisam modernizar sistemas e não podem deixar de atender as metas de negócios no avanço de aprimorar funcionalidades existentes ou criar novas funcionalidades em sistemas monolíticos existentes na empresa. Conclusões: Essa dissertação de mestrado apresentou resultados importantes para o estado da arte de engenharia de software, que corroboram com os direcionamentos de pesquisa identificados no mapeamento sistemático. A principal contribuição diz respeito a necessidade de metodologia de modernização de sistemas que tenha sinergia com as iniciativas de negócio das empresas uma vez que modernizar sistemas e efetuar mudanças de arquiteturas demandam um quantidade de tempo considerável do departamento de TI, para tal essa modernização de sistemas deve acontecer de forma gradativa, priorizada e com recortes em um sistema monolítico mantendo integrações entre sistema moderno e monolítico para manter a integridade e coerência das informações.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - Interno ao Programa - 3007914 - FLAVIO EDUARDO AOKI HORITA
Membro Titular - Examinador(a) Externo à Instituição - ALEXANDRE REIS GRAEML - UTFPR
Membro Titular - Examinador(a) Externo à Instituição - MARCELO FORNAZIN - FGV
Membro Suplente - Examinador(a) Externo ao Programa - 3009301 - VLADIMIR EMILIANO MOREIRA ROCHA
Membro Suplente - Examinador(a) Externo à Instituição - DAVI VIANA DOS SANTOS - UFMA
Notícia cadastrada em: 08/11/2021 20:59
SIGAA | UFABC - Núcleo de Tecnologia da Informação - ||||| | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa-2.ufabc.int.br.sigaa-2-prod