PPGCEM PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA E ENGENHARIA DE MATERIAIS FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Telefone/Ramal: (11) 4996-8201/8201 http://propg.ufabc.edu.br/ppgcem

Banca de QUALIFICAÇÃO: JEFFERSON THADEU DIAS DE OLIVEIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JEFFERSON THADEU DIAS DE OLIVEIRA
DATA : 10/12/2019
HORA: 13:30
LOCAL: sala 301, 3º andar, Bloco B, Campus SA da Fundação Universidade Federal do ABC, localizada na Avenida dos Estados, 5001, Santa Terezinha, Santo André, SP
TÍTULO:

Desenvolvimento de processo de selagem para a liga de magnésio AZ31B anodizada


PÁGINAS: 60
RESUMO:

A alta atividade eletroquímica do magnésio e suas ligas é uma limitação ao seu uso em aplicações de engenharia. Uma solução possível para aumentar a resistência à corrosão de ligas de magnésio é a anodização, a qual pode ser definida como um processo eletrolítico de oxidação em que o metal, inicialmente como um ânodo, é convertido em um filme óxido que apresenta proteção contra a corrosão e propriedades funcionais. Para melhorar a proteção contra a corrosão da superfície anodizada é altamente recomendável que seja feita uma selagem da camada de óxido. O objetivo geral deste projeto é desenvolver tratamentos de selagem para a liga de magnésio AZ31B anodizada, utilizando soluções aquosas à base de lantânio e avaliar sua resistência à corrosão. Os resultados serão comparados com o método convencional de selagem em água fervente. O banho de anodização foi uma solução aquosa consistindo de uma mistura de silicato de sódio e hidróxido de sódio a temperatura ambiente. As amostras da liga AZ31B foram anodizadas por 5 minutos a uma densidade de corrente constante de 20 mA.cm-2. A selagem foi realizada em solução à base de nitrato de lantânio, variando o tempo e a temperatura de tratamento. As superfícies foram caracterizadas por microscopia eletrônica de varredura e microscopia confocal de varredura a laser. O comportamento de corrosão foi avaliado por espectroscopia de impedância eletroquímica e polarização potenciodinâmica. Nas próximas etapas do projeto serão realizadas análises da composição química superficial das amostras seladas por meio de espectroscopia de fotoelétrons excitados por raios X. Os resultados obtidos até o momento permitiram identificar as condições ótimas de selagem frente aos parâmetros testados.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - Interno ao Programa - 1671292 - SYDNEY FERREIRA SANTOS
Membro Titular - Examinador(a) Interno ao Programa - 1925199 - ANIBAL DE ANDRADE MENDES FILHO
Membro Titular - Examinador(a) Interno ao Programa - 1893637 - ALEJANDRO ANDRES ZUNIGA PAEZ
Membro Suplente - Examinador(a) Interno ao Programa - 1646041 - CARLOS TRIVENO RIOS
Membro Suplente - Examinador(a) Externo à Instituição - FERNANDA MARTINS QUEIROZ
Notícia cadastrada em: 14/11/2019 11:17
SIGAA | UFABC - Núcleo de Tecnologia da Informação - ||||| | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa-1.sigaa-1